Gravidez Tubária

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Gravidez Tubária

Mensagem por Fabricio em Seg Maio 07, 2012 7:57 am

Prezados, alguém saberia me dizer qual a orientação da Igreja no caso de gravidez tubária?

Fabricio

Mensagens : 446
Data de inscrição : 04/02/2011
Localização : Fabricio

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Gravidez Tubária

Mensagem por Lucas B. em Seg Maio 07, 2012 11:25 pm

Também desconheço algum pronunciamento específico, pelo pouco que pesquisei, existe em alguns casos possibilidade do feto se deslocar naturalmente até o útero, sendo que se não ocorrer a tendencia natural é o aborto expontâneo (com considerável risco de vida para a mãe pelo rompimento da trompa).

Sem maiores informações técnicas acredito(colocação particular minha) que seguindo as orientações éticas gerais da Doutrina "vida de fato prevalece sobre risco potencial". Mas essa reafirmo, é uma conclusão preliminar minha sem suficientes dados técnicos em que me basear.

De qualquer forma poderia procurar nos documentos da Pontifícia Academia para a Vida no site do Vaticano, talvez tenha algo mais esclarecedor sobre a questão.

Saudações...

Lucas B.

Mensagens : 95
Data de inscrição : 03/05/2012
Localização : Brasil

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Gravidez Tubária

Mensagem por helioluciano em Ter Maio 22, 2012 2:41 pm

Caro Fabrício,

as chamadas gravidezes ectópicas são de dsitintos tipos, de acordo com o local aonde se impanta o zigoto. Deste modo, aquilo que deve ser feito também muda de um caso para outro. A regra geral é:

1. que não se pode jamais intervir diretamente para matar o embrião, pois indepentemente de onde ele estiver, deve sempre ser respeitado com a dignidade devida a um ser humano.

2. a mãe pode ser tratada de diversos modos para evitar um problema à sua saúde, ainda quando a consequência indireta deste tratamento - e que nunca pode ser desejada - seja a morte do embrião.

Sendo assim, no caso específico de gravidez ectópica em que o embrião se implanta na tuba uterina - gravidez tubárica - na grande maioria dos casos há um aborto espontâneo nas primeiras semanas de gestação. Deste modo o procedimento moralmente aceito seria esperar que se dê este aborto (repito espontâneo), mas uma espera de modo controlado, ou seja, vendo os sintomas.
Se não ocorre o aborto espontâneo, o caso evolui para uma hemorragia pela ruptura da tuba uterina. No início desta ruptura a hemorragia não é grave e pode ser facilmente controlada (por sisso falávamos de "espera controlada", para saber se há hemorragia e controlá-la o mais rápido possível).
O tratamento da hemorragia da mulher, nestes casos, exige intervenção imediata sobre a tuba uterina. A consequência desta intervenção - consequência conhecida, mas não desejada - é a morte do embrião.

Já falou-se de tentar mudar o local da implantação do embrião, mas isso atualmente não é possível. Ás vezes também a implantação não é exatamente na tuba, mas também não exatamente no útero, ou seja, no limite entre ambos. O procedimento aqui é o mesmo, mas em alguns casos o embrião pode chegar a termo (ou seja, ao nascimento).

Espero poder ter ajudado,

Um abraço,

Pe. Hélio Luciano
avatar
helioluciano
Tira-dúvidas oficial

Mensagens : 21
Data de inscrição : 05/11/2008
Idade : 37

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Gravidez Tubária

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum