Profecias bíblicas

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Profecias bíblicas

Mensagem por diogo0912 em Sex Jun 29, 2012 10:47 am

Já a algum tempo atrás, um amigo meu me disse que as profecias bíblicas são argumentação convincente sobre o carater sobrenatural das sagradas escrituras. Tudo bem. Vendo as profecias, comecei a ultilizar esse "argumento" e estava sendo bem sucedido nisso.

Entretanto, um outro amigo meu me perguntou como podiamos ter certeza que aquelas profecias foram proferidas antes dos acontecimentos. E se eu tinha certeza de que, de alguma forma, aqueles documentos não foram aduterados para parecer verdade.

Temos certeza historica sobre a validade das profecias biblicas? Sabemos, com certeza, que elas foram escritas antes dos acontecimentos?

Desde já, muito obrigado.

Atenciosamente,
Diogo
avatar
diogo0912

Mensagens : 64
Data de inscrição : 06/02/2011
Idade : 25
Localização : Natal/RN

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Profecias bíblicas

Mensagem por diogo0912 em Sab Jun 30, 2012 9:39 pm

Hum... Mas quais são essas datas estimadas? Como os historiadores chegaram a essas datas? Os métodos de datação são dignos de respeito quanto a isso? Ou seja, podemos realmente confiar neles?
avatar
diogo0912

Mensagens : 64
Data de inscrição : 06/02/2011
Idade : 25
Localização : Natal/RN

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Profecias bíblicas

Mensagem por diogo0912 em Seg Jul 02, 2012 10:31 am

Tenho fé. Acredito nisto. Minha fé completa o que a razão não alcança. Entretanto, para meus amigos ateus, que acham ter menos fé que nós cristãos, não posso usar o argumento da fé.
avatar
diogo0912

Mensagens : 64
Data de inscrição : 06/02/2011
Idade : 25
Localização : Natal/RN

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Profecias bíblicas

Mensagem por Farpo em Dom Set 16, 2012 10:35 am

diogo0912 escreveu:Hum... Mas quais são essas datas estimadas? Como os historiadores chegaram a essas datas? Os métodos de datação são dignos de respeito quanto a isso? Ou seja, podemos realmente confiar neles?

Essas datações são feitas com base na análise do contexto histórico em que os textos foram provavelmente escritos. Para isso, eles fazem valer da crítica literária. Com base nas palavras, nas expressões idiomáticas e na estrutura ortográfica e gramatical, chega-se a uma data provável a que os textos foram escritos.
Este método é bastante controverso, sim, pois pela própria natureza das profecias, os críticos podem designar uma data muito posterior a que os textos foram realmente escritos, ou seja, este método não pode provar ou desprovar a validade de uma profecia.

Para dar uma idéia geral da data que a crítica histórico-textual designa para as profecias, vamos dar uma lida no que a introdução da Bíblia da Ordem dos Frades Menores Capuchinhos nos diz:

A revelação de Deus à humanidade transmitiu-se, durante muitos séculos, através da tradição oral. A Escritura só começa a ganhar corpo a partir de David. Já antes de David existiam documentos orais ou escritos, como o Código da Aliança (Ex 20,22-23,33), o Decálogo (Ex 20,2-17; Dt 5,6-21), o poema de Débora (Jz 5,1-31), o cântico de Moisés (Ex 15,1-18).
É também a partir do reinado de David-Salomão que se escreve uma das quatro “fontes” que se integrou no Pentateuco (a Javista), se inicia o Saltério por meio de David e a literatura sapiencial recebe o seu primeiro impulso.
Com a morte de Salomão, o reino divide-se em Israel, ou Reino do Norte, e Judá, ou Reino do Sul. A história destes dois reinos encontra-se nos livros dos Reis. Em Israel aparecem os profetas Elias e Eliseu, defensores do culto a Javé; no tempo de Jeroboão II (783-743 a.C.), Amós e Oseias e a tradição “Eloísta” do Pentateuco. Em Judá, pouco depois de Amós e Oseias, surgem Isaías e Miqueias (ao profeta Isaías pertence só a primeira parte do Livro de Isaías: cap.1-39).
Em 722 a.C., o Reino do Norte cai sob o poder da Assíria e muitos habitantes fogem para Judá, levando consigo escritos e tradições sagradas; deste modo, unem-se duas das tradições do Pentateuco: a Javista e a Eloísta (Jeovista).
No tempo do rei Josias (640-609 a.C.), restaura-se o templo e procede-se a uma reforma religiosa: o Reino do Norte tinha desaparecido e o do Sul estava a ser castigado, porque tinham sido infiéis a Javé. É neste período e com esta perspectiva que aparecem os livros dos Juízes, Samuel e Reis.
Em 587 a.C., Nabucodonosor avança sobre Jerusalém, toma a cidade e leva para Babilónia, como reféns, muitos dos seus habitantes. É um momento importante na História do povo de Deus. Os sacerdotes, longe do templo, voltam às tradições antigas, dando-lhes um cunho litúrgico e cultual. São ainda eles que, depois do Deuteronómio, dão ao Pentateuco a sua forma definitiva.
Os judeus que tinham ficado na Palestina vêm chorar sobre as ruínas do templo e assim nascem as Lamentações, que a Vulgata, indevidamente, atribuiu a Jeremias. Ao mesmo tempo, um profeta anónimo, discípulo de Isaías (Segundo Isaías), conforta os desterrados na Babilónia (Is 40-55). Depois do regresso da Babilónia, são compostos os capítulos 56-66 de Isaías (Terceiro Isaías) e, no séc. V a.C., completa-se a obra com os capítulos 24-27 e 34-35 (Apocalipse de Isaías).
Em 538 a.C., de novo em Jerusalém, o Deuteronómio separa-se dos livros históricos e une-se ao Pentateuco; aparece Rute e os profetas Ageu e Zacarias. É também neste século que floresce a literatura sapiencial, editando-se o livro dos Provérbios e, pouco depois, o Livro de Job. Com a reconstrução do templo, nascem novos salmos e adaptam-se os antigos à nova liturgia.
No séc. IV a.C., já deveria estar completo o Saltério; nasce o Cântico dos Cânticos; escreve-se Jonas, que canta a providência e a salvação universal de Deus, e Tobias, que exalta a providência de cada dia. A historiografia deste século está representada por 4 livros: 1 e 2 das Crónicas (ou Paralipómenos), Esdras e Neemias, que são obra de um só autor, chamado Cronista.
No ano 333 a.C., com a conquista da Palestina por Alexandre Magno, começa, na literatura bíblica, o período helenista. Como reacção, nasce um novo género literário tipicamente hebreu: o midrache bíblico. Pertencem a este período o Eclesiastes (ou Qohélet) e Ben Sira (ou Eclesiástico).
Em 175 a.C., Antíoco IV obriga todos os seus súbditos a adoptar a vida e a religião dos gregos. Esta medida provoca a revolta dos Macabeus. É neste ambiente que Daniel publica um livro apocalíptico, para animar os seus compatriotas na luta. Anos depois (100 a.C.), aparece o livro de Ester, 1.° e 2.° dos Macabeus e o livro de Judite.
Enquanto os judeus da Palestina resistiam à helenização, alguns judeus de Alexandria procuraram assimilar o pensamento grego, sem sacrificar os seus valores próprios. Esta atitude exprime-se no livro da Sabedoria.

Farpo

Mensagens : 1
Data de inscrição : 16/09/2012
Localização : São Paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Profecias bíblicas

Mensagem por rcassiadcn em Sex Nov 02, 2012 7:58 pm

De fato, muitas das profecias registradas nas Escrituras Hebraicas cumpriram-se durante o primeiro século, e várias delas se referiam a Jesus. O lugar de nascimento de Jesus, seu zelo pela casa de Deus, sua atividade de pregação, ser ele traído por 30 moedas de prata, a maneira da sua morte, o fato de que se lançaram sortes sobre as suas vestes — todos estes pormenores foram profetizados nas Escrituras Hebraicas. Seu cumprimento provou além de qualquer dúvida de que Jesus era o Messias, e demonstrou de novo que as profecias eram inspiradas. — Miquéias 5:2 "Mas tu, Belém-Efrata, embora sejas pequena entre os clãs de Judá, de ti virá para mim aquele que será o governante sobre Israel. Suas origens estão no passado distante, em tempos antigos. "
Lucas 2:1-7 "Naqueles tempos apareceu um decreto de César Augusto, ordenando o recenseamento de toda a terra. Este recenseamento foi feito antes do governo de Quirino, na Síria.Todos iam alistar-se, cada um na sua cidade. Também José subiu da Galiléia, da cidade de Nazaré, à Judéia, à Cidade de Davi, chamada Belém, porque era da casa e família de Davi, para se alistar com a sua esposa Maria, que estava grávida. Estando eles ali, completaram-se os dias dela. E deu à luz seu filho primogênito, e, envolvendo-o em faixas, reclinou-o num presépio; porque não havia lugar para eles na hospedaria." Zacarias 11:12 "Eu disse-lhes: Dai-me o meu salário, se o julgais bem, ou então retende-o! Eles pagaram-me apenas trinta moedas de prata pelo meu salário." Zacarias 12:10 "Suscitarei sobre a casa de Davi e sobre os habitantes de Jerusalém um espírito de boa vontade e de prece, e eles voltarão os seus olhos para mim. Farão lamentações sobre aquele que traspassaram, como se fosse um filho único; chorá-lo-ão amargamente como se chora um primogênito!"
Mateus 26:15 "e lhes perguntou: "O que me darão se eu o entregar a vocês? " E eles lhe fixaram o preço: trinta moedas de prata." Mateus 27:35 "Depois de o haverem crucificado, dividiram suas vestes entre si, tirando a sorte. Cumpriu-se assim a profecia do profeta: Repartiram entre si minhas vestes e sobre meu manto lançaram a sorte." Salmo 22:18 "Dividiram as minhas roupas entre si, e tiraram sortes pelas minhas vestes." Salmos 34:20 "Ele protege cada um de seus ossos, nem um só deles será quebrado." João 19:33-37 "Mas quando chegaram a Jesus, percebendo que já estava morto, não lhe quebraram as pernas. Em vez disso, um dos soldados perfurou o lado de Jesus com uma lança, e logo saiu sangue e água. Aquele que o viu, disso deu testemunho, e o seu testemunho é verdadeiro. Ele sabe que está dizendo a verdade, e dela testemunha para que vocês também creiam. Estas coisas aconteceram para que se cumprisse a Escritura: "Nenhum dos seus ossos será quebrado", e, como diz a Escritura noutro lugar: "Olharão para aquele que traspassaram".

De fato, todas as profecias bíblicas que já deviam cumprir-se foram cumpridas. Tudo aconteceu exatamente assim como a Bíblia disse. Esta é uma forte evidência de que a Bíblia é a Palavra de Deus. Deve ter havido mais do que apenas sabedoria humana por detrás dessas expressões proféticas, para elas serem tão exatas.

rcassiadcn

Mensagens : 22
Data de inscrição : 20/05/2012
Localização : ALEMANHA

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Profecias bíblicas

Mensagem por MSPP em Seg Dez 10, 2012 1:39 pm

Olá meu caro rcassiadcn
Não, ainda não se cumpriram TODAS as profecias Biblicas!
Por exemplo:
1) Quando é que começou o milénio (1000 anos) mencionados em Apocalipse 20, quer esse tempo seja literal quer seja simbólico. Ainda não começou!
2) Quando é que se deu o juízo final mencionado também no cap 20 de Apocalipse?
3) E quando é que se deu a guerra do «cavaleiro branco» mencionado em Apocalipse cap. 19.
Quando é que se cumpriram os cap. 21 e 22 do livro de Apocalipse?!
Quando é que se cumpriram várias profecias do chamado A.T. que preveem um paraíso nesta terra e a prisão de Satã por 1000 anos (quer sejam literais quer simbólicos)?!
E quanto á vinda do Anti-Cristo?! Embora haja mutos nomes que sejam apontados e há já uma pessoa que se auto proclama como sendo o «anti-Cristo» como que revelando-se (José Luis de Jesus Miranda), Será que já ha certezas ou apenas dúvidas das suas identidades?!

Na verdade ainda há muitas profecias que ainda se não cumpriram, mas que esperamos que se vão cumprir no seu tempo oportuno!

Mas ainda há mais! Há muitos textos que não são considerados proféticos, e de profecias que já se cumpriram uma vez, mas que quando se cumprirem no futuro, nós iremos ficar pasmados com tudo isso, como aconteceu com os Apóstolos no tempo de Yeshua. Assim, temos razões de sobra, que se uma profecia do chamado A.T. que já se cumpriu, possa voltar a cumprir-se, ainda de uma forma mais adequada.
avatar
MSPP

Mensagens : 429
Data de inscrição : 07/04/2012
Idade : 73
Localização : Ermesinde - Portugal

Ver perfil do usuário https://sites.google.com/site/rrfn001/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Profecias bíblicas

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum