Estrutura da liturgia

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Estrutura da liturgia

Mensagem por gleidsonmacedo em Qui Jun 27, 2013 11:58 pm

Pessoal cá estou eu aqui de novo com dúvidas, é o seguinte, hoje estava conversando com uma amiga quando precisei interromper, me despedir dela pois ia rezar as completas (liturgia das horas) com um grupo, expliquei-lhe e ela perguntou como era essa oração, falei que tem o cântico, o salmo, a leitura breve, a oração do dia, expliquei sumariamente a estrutura das completas, ela me indagou se isso não seria um tanto quanto mecânico, e se tinha algo parecido na Bíblia, enfim, diquei curioso de saber como a Igreja definiu a estrutura da liturgia das horas, e até mesmo da liturgia da missa, como nasce esse culto, se vem dos judeus, das sinagogas, ou não, se é algo novo, enfim... como foi definido a estrutura da nossa liturgia? porque é recepção, ato penitencial, hino, salmodia, leitura breve, responsório, cântico, oração, enfim... como nasce essa sequencia e esse tipo de culto?
grato
avatar
gleidsonmacedo

Mensagens : 38
Data de inscrição : 09/12/2012
Idade : 34
Localização : Abreu e Lima - PE

Ver perfil do usuário http://arautodejesuscristo.blogspot.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Estrutura da liturgia

Mensagem por Apologética Católica em Ter Jul 02, 2013 10:39 pm

Olá amigo, primeiramente me sinto feliz em saber que você reza a liturgia das horas, ora belíssima oração.

A liturgia é a essência de toda celebração da Igreja, criada pelo próprio Jesus que tinha seu jeito de fazer as coisas com toda a infinita sacralidade dos símbolos e significados e seguindo o mestre a Igreja ao longo dos séculos trouxe intacta a belíssima Liturgia, ela que rege e da enfase naquilo que é rezado, cantado, organizado, ilustrado etc.
É um assunto muito amplo, pois são dois mil anos e liturgia, onde ela mesma foi adaptada, reformada, para se tornar mais clara e acessível para o entendimento dos fiéis.
Achei um conteúdo muito bom, acho que deve ajudar, infelizmente não tive o tempo de analisa-lo a fundo, mas pelo que observei trata de maneira satisfatória do assunto abordado. Se não entender alguma parte estou a disposição para ajudá-lo!
http://catholicum.wikia.com/wiki/Liturgia
Estejas com Deus
avatar
Apologética Católica

Mensagens : 40
Data de inscrição : 24/01/2013
Localização : Gravatá-PE

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Estrutura da liturgia

Mensagem por Flávio Roberto Brainer de em Qua Jul 03, 2013 7:30 am

Caro GleIdson,

Essa sua postagem me faz lembrar a minha infância quando, vivendo na companhia do meu tio, Mons. José Florentino, sempre o via em determinadas horas a rezar o Breviário. Muitas vezes eu questionava por que tinha que ser rezado sempre naqueles horários previamente determinados, e por que somente os padres, os frades e as freiras o podiam rezar. Naquele tempo, o Breviário era em latim, e quando o meu tio estava sozinho, rezava em silêncio, mas quando tinha outros padres ou freiras, a oração era feita em voz alta, entre inclinações e reverências. Eu achava aquilo muito bonito, muito embora que pouco entendesse.

Quando me tornei seminarista, em 1973, o Breviário era chamado Oração do Tempo Presente, e depois, Liturgia das Horas. A Oração do Tempo Presente já tinha se tornado comum a qualquer católico que a desejasse fazer e, em vários momentos, no seminário, ela era feita na capela e com a participação de dezenas de leigos católicos. Entretanto, o meu tio continuava com o antigo Breviário em latim e eu, como seminarista, quando estava de férias, rezava com ele. Aliás, passei a gostar mais do antigo breviário em latim do que do novo que continha algumas modificações, muito embora que essas diferenças não fossem muitas.

Bom, deixando de lado a minha vivência, acho muito interessante o seu questionamento, até mesmo porque tais questões nunca vieram ao meu pensamento.

A origem do Breviário é do século XI, tendo como finalidade principal a organização da oração diária para o clero e o enriquecimento do conhecimento das Sagradas Escrituras, sendo composto por um conjunto de Salmos, Hinos, leituras bíblicas e dos Padres e Doutores da Igreja.

Posteriormente, o Breviário foi se tornando, de forma gradativa, a oração das comunidades dos consagrados que professaram votos solenes, passando a ser exercida nos claustros, nos mosteiros e nos conventos.

No nosso tempo, o Breviário tem se tornado uma oração de toda a comunidade católica, de maneira que, por esta razão, chegou também até você, o que é muito bom.

No início, o Breviário não tinha uma forma definitiva, podendo ser adequado a realidade de cada igreja particular ou de cada comunidade religiosa de consagrados. Aos poucos, os Papas foram fazendo várias modificações no sentido de unificar o texto do livro do Breviário,  conforme descrição abaixo:

A primeira reforma foi feita por Pio V em 1568, através da bula QUOD A NOBIS. Em 1911, por meio da bula DIVINO AFLATU, Pio X fez uma nova adequação. No Concílio Vaticano II, foram feitas outras adequações no Breviário e foi dado o nome de Liturgia das Horas e tornou-se a oração pública da Igreja para ser usada pelos leigos, ministros, diáconos, clero e religiosos, para o louvor de Deus e santificação de cada um a cada dia. Por ultimo, Paulo VI concluiu a ultima adequação através da Constituição CANTICVUM LANDIS  no dia 1 de novembro de 1970.

Penso que deu para dar uma clariada nesta questão. Se houver necessidade, aqui estamos para crescer na GRAÇA e no CONHECIMENTO.

Um grande abraço !!!
avatar
Flávio Roberto Brainer de
Tira-dúvidas oficial

Mensagens : 1189
Data de inscrição : 13/09/2009
Idade : 59
Localização : Gravatá - PE

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Estrutura da liturgia

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum