Católico CARD

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Católico CARD

Mensagem por Rafaela Botelho em Qua Out 15, 2008 1:33 am

Olá.
Tudo bem?

...

"Arquidiocese do Rio de Janeiro lança nos próximos dias o cartão de crédito Solidariedade Católica.
São duas as modalidades do cartão católico, de bandeira Visa, lançado em parceria com o Bradesco. A nacional, cuja renda mínima é de R$ 400, e o cartão "Gold", que é internacional e exige renda acima de R$ 2 mil. A anuidade do primeiro custa R$ 60. O Gold custa R$ 160 por ano. Do total desses valores, 30% serão destinados a entidades carentes indicadas pela Arquidiocese.

O cardeal-arcebispo do Rio, dom Eusébio Scheid, acredita que haverá uma boa adesão."Qualquer um que pense um pouco nos outros vai aderir, e não apenas os católicos", afirmou.

Segundo Ronaldo Rangel, diretor geral da DPZ-Rio, a campanha será divulgada na televisão e nos cinemas. "A DPZ está participando desse projeto porque acreditamos que ações solidárias como essa são muito bem vindas", afirmou, acrescentando que a agência fará a campanha gratuitamente.

A idéia de usar meio de pagamentos eletrônicos para angariar contribuições de fiéis é aplicada também na evangélica Igreja Renascer em Cristo. Na sede da Renascer em São Paulo, os fiéis podem fazer suas contribuições no culto por meio de um cartão de débito." (Folha Online UOL/SP)



Bom, a polêmica que está circulando é que a anuidade iria para caridade, mas, que todos os cargos dos "organizadores" seriam por votação e tal, e o do Dom Eusébio Scheid e de seu secretário seriam vitalícios.
O que deu margem para especularem outras coisitas mais...

Bom, achei um assunto interessante e resolvi postar para saber a opinião e mais informações de vcs. O que sei é isso..

Fiquem com Deus
Very Happy
avatar
Rafaela Botelho
Acolhedora

Mensagens : 530
Data de inscrição : 03/10/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

...

Mensagem por Rafaela Botelho em Sab Out 18, 2008 11:09 am

Acho que alguém esqueceu desse tópico...

rs

Smile
avatar
Rafaela Botelho
Acolhedora

Mensagens : 530
Data de inscrição : 03/10/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Católico CARD

Mensagem por João em Dom Out 19, 2008 10:25 am

OLá!

Não foi esquecido não.. rsrsr

Acho interessante, só que o que vai dar de gente 'anti-igreja' que vão falar que é mais uma maneira da Igreja 'pegar' dinheiro, vai ser fogo... ¬¬'

Fora isso, é uma idéia muito boa, afinal de contas nós (católicos) deveríamos ter certeza de que é uma maneira de ajudar os nossos irmãos menores.

abraços
avatar
João

Mensagens : 85
Data de inscrição : 02/09/2008
Idade : 25
Localização : Petrópolis, RJ (São Cristóvão)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Católico CARD

Mensagem por Antônio Seixas em Sab Out 25, 2008 1:50 am

E quem disse que o dinheiro arrecadado irá para os pobres?

Alguém já viu prestação de contas dos investimentos feito pela arquidiocese com o arracadado na Feira da Providência???

Quantos padres fazem prestação de contas do dinheirinho do dízimo recolhido em sua paróquia???
avatar
Antônio Seixas

Mensagens : 62
Data de inscrição : 18/10/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Quanto a prestação de contas

Mensagem por Juliana Correia em Dom Out 26, 2008 1:02 am

Olá Antonio,

Só pra constar, na minha paróquia (N. Sra. Aparecida), em Petróplis/RJ, fica exposto em um grande mural uma prestação de contas, mensalmente, de tudo o que foi arrecadado e seus devidos encaminhamentos/gastos... não só o dinheiro de dízimo, mas toda e qualquer verba, seja por doações, eventos paroquiais e outros.

Abraços bounce
avatar
Juliana Correia

Mensagens : 22
Data de inscrição : 25/08/2008
Idade : 28
Localização : Petrópolis/RJ

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Católico CARD

Mensagem por Antônio Seixas em Qua Out 29, 2008 12:50 am

Bem, Petrópolis é sede diocesana. Se lá a coisa não andar no riscado, que esperar das paróquias mais distantes.

Mesmo que o balancete esteja fixado no quadro, quem garante que os números são verdadeiros? Peça ao seu pároco para ver as contas efetivamente pagas os comprovantes dos valores recebidos no mês. Se vc não for do fã clube dele, receberá um redondo não. Caso seja, receberá uma desculpa mais simpática.
avatar
Antônio Seixas

Mensagens : 62
Data de inscrição : 18/10/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Contas da Igreja

Mensagem por Pe. Anderson em Qua Out 29, 2008 10:06 am

Caro Antonio,

Na diocese de Petrópolis, os balancetes das paróquias sao confirmados pelos documentos contábeis que vao todos os meses para a Mitra diocesana. A Mitra é uma pessoa jurídica, que tem todas as obrigações sociais de qualquer empresa. Ela é considerada como entidade filantrópica, com isso ela recebe isençao de alguns impostos, mas tem que demonstrar que realiza obras sociais. Tudo isso é fiscalizado pelo governo, como a qualquer outra empresa. Um abraço.
avatar
Pe. Anderson
Admin

Mensagens : 952
Data de inscrição : 10/09/2008
Idade : 34
Localização : Roma

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Católico CARD

Mensagem por Antônio Seixas em Qui Out 30, 2008 12:08 am

Querido Anderson, pelo visto você também nunca viu em sua paróquia os documentos que fundamentam os balancetes. É natural, não fique envergonhado. São tão secretos quanto os do tesouro americano.

Agora, acreditar que a diocese é como uma empresa e tem responsabilidades parece ingenuidade.

Quantas empresas fortes (MESBLA, VARIG, BANCO SAFRA) não faliram por gestão fraudulenta.

Afirmo e repito: NÃO EXISTE TRANSPARÊNCIA NAS QUESTÕES FINANCEIRAS DAS DIOCESES BRASILEIRAS.

Mas, trazendo mais para nossa realidade. Você não ouviu dizer do escandalo de gestão fradulenta em uma universidade católica, que por sinal, é devedora de grandes créditos trabalhistas de seus funcionário pertinho de sua casa?

Digo mais, você sabia que uma certa diocese pertinho de sua casa é campeã de ações trabalhistas por sonegarem pagamento de verbas trabalhistas. Doutrina social é bonita só nos compêndios.

Santa Edith Stein, rogai por nós.
avatar
Antônio Seixas

Mensagens : 62
Data de inscrição : 18/10/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Católico CARD

Mensagem por Antônio Seixas em Qui Out 30, 2008 12:29 am

Só deixa eu lembrar de uma passagem bíblica bem oportuna.

Mt 10, 16:

"Eu vos envio como ovelhas no meio de lobos. SEDE, pois, PRUDENTES COMO AS SERPENTES, MAS SIMPLES COMO AS POMBAS."
avatar
Antônio Seixas

Mensagens : 62
Data de inscrição : 18/10/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Católico CARD

Mensagem por Pe. Anderson em Qui Out 30, 2008 7:33 am

Caro Antônio,

Eu já vi os documentos que fundamentam os balancetes das paróquias, eles são enviados todos os meses para a Mitra, que tem tudo isso nos arquivos, e os contadores que trabalham na Mitra, fazem os balancetes. Tudo isso fica a disposição de fiscalização a qualquer hora. Não são nada secretos, o que sim ocorre é que ninguém tem interesse para vê-los, pois em geral, os católicos preferem confiar nos seus superiores e rezar por eles.
Eu não acredito que a diocese é uma empresa, mas eu sei que as dioceses diante do governo são consideradas como empresas, são constituídas juridicamente assim, de acordo com os Acordos de Igreja e Estado. As dioceses são empresas, juridicamente, porque tem que contratar empregados (os zeladores das Igrejas, os pedreiros, os arquitetos etc), com todas as responsabilidades sociais inseridas. Se não fosse assim, quem trabalharia nas obras da Igreja?
As diocese em geral são consideradas como entidades sem fins lucrativos ou como entidades filantrópicas. Para serem consideradas entidades filantrópicas, elas tem que comprovar ao Estado Brasileiro sua atividade social, a cada ano. A diocese de Petrópolis o comprova com suas escolas paroquiais (que atende mais de 10,000 crianças, em convênio com a Prefeitura) e pelas creches que atendem crianças carentes. Isso é fiscalizado a cada ano pelos órgãos civis.
Nao te digo que sempre há transparência nas dioceses e nas paróquias, mas o que eu te digo é que onde essa não há, o povo não ajuda financeiramente ás paróquias. Em geral, o povo perdoa a tudo de um padre, menos o interesse desproporcional pelo dinheiro. Se eles descuidam essa parte, o povo percebe e deixa de ajudar.




Um grande abraço.
avatar
Pe. Anderson
Admin

Mensagens : 952
Data de inscrição : 10/09/2008
Idade : 34
Localização : Roma

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

balancetes.

Mensagem por Pe. Leo em Qui Out 30, 2008 8:04 pm

caro Antônio, depois te responderei com mais calma, mas o q tenho para dizer é q o q o diácono Anderson e eu respondemos, tem sua base em nosso proceder comum em nossas paróquias, pois os dois trabalhamos em paróquia, mostramos os balancetes de dízimo e de todo o mais, sem essa de ter um fa clube ou mostrar só para ele.
só para te dar um exemplo, aqui na minha paróquia, que conta o dízimo é a equipe de administraçao,chamado de coselho de assuntos econòmicos, formada por leigos junto com o pároco e comigo....qualquer um pode perguntar a eles sobre estes assuntos.
O fato é q aqui no fórum trabalhamos con datos objetivos e nao com objetivaçoes de opinioes ou de singulares experiência que algum ja tenha passado.
Agradeço o fato de tocar no tema. Q Deus abençoe.
avatar
Pe. Leo
Tira-dúvidas oficial

Mensagens : 148
Data de inscrição : 05/09/2008
Idade : 33
Localização : Petrópolis, RJ

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Católico CARD

Mensagem por Rafaela Botelho em Qui Out 30, 2008 11:20 pm

Também não concordo com achismo de experiências pessoais, tratemos do tema como ele é. Se numa paróquia isso é mais aberto ou noutra é mais oculto, são experiências nossas pessoais devido a moral e caráter do responsável por este setor na paróquia, e não o que é em si.

Vale lembrar que é tão visível para nós a fraude de certos sacerdotes ou grupos, mas, sobretudo devemos reparar em nós mesmos nas pequenas ações; ao médico no atestado falso (que parece não ser nada), ao professor na falsificação na hora da chamada, ao contador nas notas fiscais, ao advogado na falsificação de assinatura para seu cliente, etc. Enfim, ao brasileiro no geral por seu costumeiro "jeitinho".

Claro, sabemos de algumas fraudes, mas não podemos generalizar.
Acho que o melhor é rezar pelos sacerdotes e reparar mais em tantos que doam suas vidas para servir a Santa Mãe Igreja e a Cristo, entregando a beleza de sua juventude e todos os seus dias ao serviço pelo anúncio do reino.

De fato, o Pe. Léo e o Anderson conhecem bem essa realidade, tanto em questões religiosas quanto administrativas porque lidam com isso. Sacerdote e quase sacerdote (se Deus quiser), então, devem estar mais próximos disso que nós.



Mas aí, voltando ao Católico CARD...
avatar
Rafaela Botelho
Acolhedora

Mensagens : 530
Data de inscrição : 03/10/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Reposta

Mensagem por Juliana Correia em Sex Out 31, 2008 12:30 pm

Bem, Antonio

Sobre a realidade da minha paróquia. Eu já estive na coordenação e em outras funções em vários
eventos paroquiais. Tudo o que era arrecado, comprado e gasto era devidamente comunicado
ao pároco, e constando nas folhas de prestação de contas da paróquia. Tanto em
eventos dentro ou fora da paróquia, que a envolvessem, tais como: almoço e
jantar beneficente, campeonato de futebol, festivais de pastel e de talentos
entre outros...

Em que você se baseia pra afirmar tais coisas? Você me diz
pra pedir para ver os documentos, venha você mesmo vê-los, porque você não pode
julgar sem conhecer. Nós falamos sobre aquilo que vivemos, enquanto paróquia.
Conte-nos sobre sua experiência com isso. Caso você já passou ou caso passe por
alguma situação desse tipo, procure conversar com o pároco, e se ele
simplesmente te der como resposta um redondo não, sugiro que você procure o
Bispo. Precisamos de críticas sim, mas de críticas construtivas e mediadas pela
caridade e confiança na Igreja.


Abraços bounce


Jesus, manso e humilde de coração, fazei nosso coração
semelhante ao vosso.
avatar
Juliana Correia

Mensagens : 22
Data de inscrição : 25/08/2008
Idade : 28
Localização : Petrópolis/RJ

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Católico CARD

Mensagem por Antônio Seixas em Dom Nov 02, 2008 7:27 pm

Querida Juju, agradeço ao seu convite para visitar sua pároquia (a visita inclui o almoço?). Poderia ser no dia 09 de novembro próximo?

Fico feliz de poder analisar os documentos que fundamentam o balancete de sua comunidade. Espero que vc avise seu pároco de minha ida.

Só para esclarecer, não estou julgando sua paróquia ou qualquer outra.

Entrego-me a Santa Madre Igreja de coração e alma, mas não aos seus membros.

Santa Edith Stein, rogai por nós!
avatar
Antônio Seixas

Mensagens : 62
Data de inscrição : 18/10/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Católico CARD

Mensagem por alessandro em Seg Nov 03, 2008 10:09 am

Ola a todos...
Estou acompahando as discussões deste tópico e não venho hj entrar na polêmica que está sendo desenvolvida, mas voltar a questão inicial levantada pela Rafaela.

Qto ao "católico-card", a princípio não vejo problema algum nessa forma de arrecada fundos para a caridade. No entanto, tenho um receio qto a esta tipo de iniciativa. Que ela seja uma espécie de instrumentalização da religião e da caridade. Imaginem progagandas de TV feitas pela operadora de cartão de crédito com dizeres: "Todo cátólico deve ter um". Não estou dizendo que aqueles que tiveram a idéia tem má fé, mas que este é um risco que deve ser levado em conta. Além, é claro da transparência financeira apontada por tantos aqui.

abração e fiquem com Deus

_________________
Só vale a pena viver pelo que vale a pena morrer!!!
avatar
alessandro
Tira-dúvidas oficial

Mensagens : 750
Data de inscrição : 16/08/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Até que enfim

Mensagem por Rafaela Botelho em Seg Nov 03, 2008 12:35 pm

Oi Alessandro,
Obrigada por voltar a questão inicial ^^

Sim, se formos pensar na questão do cartão e for tudo correto mesmo quanto ao fim do lucro, beleza. Eu estava esperando alguém responder sobre o Católico Card para chegar num ponto que vc chegou. Acho que o que pega nem é tanto a questão do cartão em si, mas, a Igreja tem sempre que se preservar e evitar assuntos que a envolvam em mal entendidos. Sei lá, eu acho (conhecendo pouco do assunto) que não tinha necessidade... Todo mundo já tem seu cartão de crédito convencional, acho que não tinha necessidade da Igreja se expor. Até pq tem outras formas de "obras de caridade", mas, claro a intenção com certeza foi de ajudar.

Mas, penso dessa forma pelo que sei do cartão.. Talvez tenha algo maior e melhor por trás que eu não esteja sabendo. Se for assim, posso pensar de outra forma.

Fiquem com Deus
Very Happy
avatar
Rafaela Botelho
Acolhedora

Mensagens : 530
Data de inscrição : 03/10/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Católico CARD

Mensagem por Antônio Seixas em Qua Nov 05, 2008 2:28 am

Rapaz, você foi preciso na impressão que fiquei quanto assisti a propaganda do cartão. A mensagem era indiretamente essa: "Todo cátólico deve ter um".

Penso ser extremamente delicada a questão da transparência e da lisura dos administradores. Digo isso, do ponto de vista jurídico. Quem garante que não haverá as fraudes com cartão de crédito tão comuns no mercado hoje. O Espírito Santo?

O cartão será adminstrado pelo Banco Bradesco com bandeira Visa. Olha que perigo!!!

A primeira pergunta que faço é: quem escolheu o Bradesco, se as tarifas dele são tão altas quanto as do Unibanco, Itau etc.?

Somente nos primeiros dez meses de 2008 o Banco Bradesco S/A segundo o saite do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro tem 299 processos contra ele no juizado especial.

Para que as demais pessoas possam conhecer sobre o produto oferecido, segue o saite:

http://www.arquidiocese.org.br/paginas/cartaocreditosolicatolicaprincipal.htm

Segunda pergunta: Qual o percentual que será recebido pela comunidade? O cardeal disse que receberá "das instituições bancárias parte do lucro auferido".

Terceira pergunta: quem responderá no caso de falha na prestação do serviço. No meu entendimento a arquidiocese é solidária a adminstradora perante a justiça, tomando por base a teoria da asserção.

Com relação ao cartão deixamos de ser fiéis e passamos a ser consumidores.

Santa Filósofa Edith Stein, rogai por nós!
avatar
Antônio Seixas

Mensagens : 62
Data de inscrição : 18/10/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Católico CARD

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum