Músicas protestantes na Santa Missa

Página 3 de 3 Anterior  1, 2, 3

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Músicas protestantes na Santa Missa

Mensagem por Administrador em Qui Jul 26, 2012 1:51 pm

Caro Ricardo, veja que no exemplo por você citado, o espírito não pregava Deus nem os evangelhos, mas tinha a única intenção de exaltar os apóstolos, numa forma de tentação. Talvez tentando fazer com que estes se enchessem de orgulho e soberba por estarem fazendo o que faziam. Diferentemente do que Sto Tomás dizia que a verdade a cerca de Deus só pode vir do Espírito Santo. E ele estava correto. Os espíritos impuros não reconhecem Jesus como Senhor, e muito menos renderiam glória e graças a Deus altíssimo.

Caro Dilson, seja bem vindo. Sua questão é bastante pertinente. Poderíamos fazer várias considerações, mas vou resumir. A igreja orienta, e seria muito bom que todos os padres e bispos seguissem a orientação da igreja. Mas infelizmente, isso não acontece. Claro que a incorporação de cantos que vão contra a doutrina católica dentro da liturgia da missa é uma falta grave, mas isso não impede que esses cantos sejam gravados em outras oportunidades. Embora, o simples fato de irem contra a doutrina já é mais que suficiente para eu rejeitar tal canto em qualquer circunstância, mas cada um tem a liberdade de fazer o que quiser, ainda que seja errado. Embora, caso seja um erro grave, deve-se ser corrigido. O que também acontece, é que alguns padres não atentam para a divergência da letra que cantam com a doutrina que pregam. Isso é estranho e profundamente triste, mas é o que acontece em alguns casos.

Administrador

Mensagens : 74
Data de inscrição : 11/10/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Músicas protestantes na Santa Missa

Mensagem por Rafael Monteiro em Sab Jul 28, 2012 12:57 am

Plágio de plágio?

http://padom.com.br/musico-reclama-autoria-de-noites-traicoeiras-e-desmente-cantora-evangelica/
Se nem no meio protestante sabem ao certo quem é o autor, talvez possa se tratar de uma música antiga de Autor Desconhecido, nesse caso a obra está em domínio público (Lei n.º 9.610/98), sendo assim quem grava primeiro não necessariamente é proprietário da música, essa ação ganha por essa mulher só mostra como a justiça brasileira é falha. Pois agora ela é ré.


avatar
Rafael Monteiro

Mensagens : 85
Data de inscrição : 13/09/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 3 Anterior  1, 2, 3

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum