Teologia da Libertação e Doutrina Social

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Teologia da Libertação e Doutrina Social

Mensagem por João em Qua Set 10, 2008 10:54 pm

Olá!

A minha dúvida é a respeito da "Teologia da Libertação"...

- O que é?
- Quando, onde e com quem surgiu?
- Qual a posição da Igreja Católica a respeito disso?

abraços
avatar
João

Mensagens : 85
Data de inscrição : 02/09/2008
Idade : 26
Localização : Petrópolis, RJ (São Cristóvão)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

TL

Mensagem por Pe. Leo em Qui Set 11, 2008 9:36 pm

Estimado Joao:

A TL pode ser definida como corrente teologica que se caracteriza por uma tentativa de integrar as aspiraçoes de uma sociedade justa e digna do homem no interor de uma compreensao crista da vida e no contexto da situaçao latino-americana dos anos 60 e seguintes, ou seja , no contexto de sociedades que conhecem graves e profundos problemas socio-econômicos, situaçoes de pobreza extrema e de grandes injustiças.
Podemos falar de Teologias da Libertaçao, já que esta foi tomando vertentes variadas segundo seus autores. Podemos dizer que o conceito de libertaçao crista perde seu caráter ultra-terreno e passa a ser intra-terreno. O que nao é má em seu fundamento, acaba tomando rumos desastrosos ao chegar a uma quase total desconsideraçao do sobrenatural para centrar-se em problemas terrenos. a libertaçao passa a ser o critério sobre o qual todo o teologizar deve se amparar.
Dizendo em palavras mais simples, e de maneira muito direta, é uma teologia que pode ser considerada um adaptaçao do marxismo à religiao crista e colocando um horizonte material como objetivo da pastoral e de toda a açao eclesial. O pobre é considerado como um lugar teologico e deixa-se de fazer teologia desde cima, ou seja, iluminada pela Revelaçao, a fazer uma teologia iluminada primeiramente pela realidade social. O Cristo libertador veio para libertar das opressoes colocadas pelas estruturas de poder, e a redençao será entendida nestes termos, enquanto fazer a insturaçao do reino de Deus nesta terra.
SEus expoentes mais ilustres sao: o peruano Gustavo Gutiérrez, Leonardo Boff ( Brasileiro), Jon Sobrino ( Español-Salvadoreño) entre outros.
A Igreja adverte tal ou tais doutrinas enquanto colocar todo o horizonte da redençao e de Reino de Deus numa clave intra-terrena, quase que se esquecebdo ou deixando de lado seu caráter sobrenatural.
A Congregaçao para a doutrina da Fé analisou tais doutrinas e se pronunciou sobre tais doutrinas nos documentos Libertatis Nuntius de 1984 e Libertatis conscientia de 1986.

Se algo nao ficou claro, aguardo resposta.
avatar
Pe. Leo
Tira-dúvidas oficial

Mensagens : 148
Data de inscrição : 05/09/2008
Idade : 34
Localização : Petrópolis, RJ

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Teologia da Libertação e Doutrina Social

Mensagem por larissa em Sex Set 12, 2008 2:21 pm

avatar
larissa

Mensagens : 41
Data de inscrição : 10/08/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Teologia da Libertação e Doutrina Social

Mensagem por larissa em Sex Set 12, 2008 2:25 pm

A doutrina social da Igreja veio "em resposta" à essas questões ou já existia antes, ou já estava sendo "estudada" ?
avatar
larissa

Mensagens : 41
Data de inscrição : 10/08/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Teologia da Libertação e Doutrina Social

Mensagem por alessandro em Sex Set 12, 2008 8:38 pm

Vou tentar desenvolver depois algumas idéias colocadas ploe padre Leonardo. Agora só vou responder rapidamente à pergunta da Larissa.
Sempre houve uma reflexão social cristã, desde os tempos bíblicos, passando pela patrística e pela escolástica. No entanto, a doutrina social da Igreja, tal a conhecemos hoje, como um posionamento do magistério acerca de princípios morais fundamentais a uma ordem cristã, surgiu com Leão XIII e a Rerum Novarum no final do século XIX, logo bem antes da teologia da libertação.

Vale ressaltar que além da teologia da libertação há outras formas de pensar teologicamente a questão social e mesmo dentro da TL existem correntes não materialistas e marxistas.

Esse tópico tem tudo para se tornar uma grande reflexão. Para tanto recomendo a leitura do documento indicado pela Larissa. É um texto bastante claro e profundo
Um abraço

_________________
Só vale a pena viver pelo que vale a pena morrer!!!
avatar
alessandro
Tira-dúvidas oficial

Mensagens : 750
Data de inscrição : 16/08/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Teologia da Libertação e Doutrina Social

Mensagem por larissa em Sex Set 12, 2008 8:53 pm

avatar
larissa

Mensagens : 41
Data de inscrição : 10/08/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Agradecimentos e Novas Perguntas...

Mensagem por João em Sab Set 13, 2008 5:38 pm

Po...

Muito Obrigado a todos.
Deu para esclarecer bastante, pelo menos eu acho... Very Happy



Aproveitar que a Teologia da Libertação, se entedi bem, fala um pouco sobre a sociedade, pobre, rico...
*duas dúvidas para que a continuação não fique meio fora de margem...

Para a Igreja Católica até onde vai o direito de uma pessoa possuir bens?*

O que a Igreja tem a falar de quem mora na rua ou é "pobre" por livre e espontânea vontade e não por um voto de pobreza, por exemplo?



*Na Encíclica do Papa Leão XIII, diz que temos o "direito" à propriedade privada, mas que propriedade(s) privada(s) esse "direito" me garante? Por exemplo: casas, carros, fazendas, contas na suíça Laughing , entre outros...


não sei se encaixa direito aqui, mas... bounce

abraços
avatar
João

Mensagens : 85
Data de inscrição : 02/09/2008
Idade : 26
Localização : Petrópolis, RJ (São Cristóvão)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Teologia da Libertação e Doutrina Social

Mensagem por alessandro em Seg Set 15, 2008 10:55 am

Vamos tentar trabalhar algumas das questões lenvantadas.
Primeiro quanto a situação dos pobres e ricos. A moral cristã (aplicada pela doutrina social da Igreja) afirma que todos temos o dever de lutar por uma sociedade mais justa e isso implica condição de vida mais dignas para todos. Vale lembrar que quando Jesus falavar "bem aventurados os pobres" não estava dispensando a humanidade de lutar por um mundo menos desigual. Pobreza é diferente de miséria e tem um conotação de desapego quando aos bens.

Quanto a questão da propriedade privada vale lembrar que para a doutriana social da Igreja o direito a propriedade não é absoluto como no caso do liberalismo, mas está subordinado à sua função social, ou seja ao bem comum. A propriedade privada é vista como uma consequência da liberdade humana e fruto do trabalho, não como um bem absoluto ao qual todos os outros devem ser aplicados.
Um visão bastante interessante sobre o assunto foi desenvolvido pelo escritor inglês Chesterton. Se alguém quiser posto aqui outro dia.

Espero ter ajudado

Obs: vou mudar o nome do tópico para permitir uma discussão um pouco mais ampla.
avatar
alessandro
Tira-dúvidas oficial

Mensagens : 750
Data de inscrição : 16/08/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Teologia da Libertação e Doutrina Social

Mensagem por João em Seg Set 15, 2008 9:55 pm

Já ajudou bastante...

Se possível gostaria de ler sobre essa "visão" Chesterton sobre o assunto...

obrigado

abraços
avatar
João

Mensagens : 85
Data de inscrição : 02/09/2008
Idade : 26
Localização : Petrópolis, RJ (São Cristóvão)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Teologia da Libertação e Doutrina Social

Mensagem por Douglas em Ter Set 23, 2008 7:00 pm

A igreja nos diz que a propriedade privada é algo conquistado pelo homem com seu esforço,por isso é algo que não se pode perder?.Um texto de Rousseau " A origem das desigualdes entre os homens" me fez refeletir sobre isso, no caso cristão isso me faz de certa forma ver algo contraditorio, por acaso teria Deus favorecido há alguns? acaso teria Deus previligiado a poucos com lotes de terras? Vcs podeiam me dizer a doutrina social da igreja diz que " a terra tem sua função social", Mais acaso isso não seria em alguns casos motivo para legitimar o poder de alguns sobre outros? Segundo Rosseau "O primeiro que, tendo cercado um terreno, se lembrou de dizer: Isto é meu, e encontrou pessoas bastantes simples para o acreditar, foi o verdadeiro fundador da sociedade civil" Nesse caso me parece certo o cobrar da teologia da libertação, sobre a propriedade privada, precisamos saber com urgência até quando vai essa chamada " função social da terra"



* Fala Alessandro!!!Isso não são resquícios Boffianos não tá? só uma pergunta.
avatar
Douglas

Mensagens : 12
Data de inscrição : 03/09/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Teologia da Libertação e Doutrina Social

Mensagem por alessandro em Ter Set 23, 2008 11:36 pm

Fala amigo...Pode deixar eu sei que o Bento XVI te converteu... Very Happy
Sua pergunta é muito boa. Infelizmente não responderei agora. Se o fizesse seria correndo e a resposta saria superficial.
Depois passo aqui para fazer um comentário melhor.
abração e fica com Deus

_________________
Só vale a pena viver pelo que vale a pena morrer!!!
avatar
alessandro
Tira-dúvidas oficial

Mensagens : 750
Data de inscrição : 16/08/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

minha primeira resposta ortodoxo

Mensagem por Douglas em Qua Out 01, 2008 10:25 pm

Bom galera, vou dar uma resposta a minha própria própria pergunta, para espanto da nação uma resposta ortodoxa rsrrs, brincadeira.
Primeiro ponto que queria colocar aqui;a igreja não defende o status quo, quer dizer muitas opiniões equivocadas dizem que a igreja proteje a propriedade privada, por que ela endossa o capitalismo. Para podermos atacar esse tipo de argumento podemos nos apoderar da citação de Leão XIII:

"...os trabalhadores,isolados e sem defesa, tem se vistocomo decorrer do tempo, entregues a mercê de senhores desumanos e á cobiça de uma concorrência desenfreada.A Usura voraz veio agravar ainda mais o mal. Condenada muitas vezes pela igreja, não tem deixado de ser paraticado sob outra forma por homens ávidos de ganância e de insaciável ambição. A tudo deve acrescentar-se o monópolio dp trabalho e dos papéis de credito, que se tornaram o quinhão de um pequeno número de ricos e de opulentos,q ue impõe assim, um jugo quase servil á imensa multidãode proletários"(Rerum noavarum)

As queixas de Leão XIII estão portanto, ainda de pé e a afirmação da propriedade privada não implicará em nenhuma defesa das relações desumanas que minam o sistema capitalista, nem da usura sutile mascarada, nem tampoucodaescabrosa concentração das riquezas monopolizadas.
Historicamente podemos dizer que apos Leão XIII, Pio XI lutou fortemente contra o depostismo econômico, proclamnado que "a reta ordem não pode nascer da livre concorrência", o mesmo reinvidicava a restauração da propriedade pericada em suas justas proporções,deplorando os abusos.Mais quem agiu de forma mais energética nesse ponto foi Pio XII, Dizendo:

"A consiência cristã não pode, pois reconhecer como justa uam ordem social que nega,em principio, ou torna impossível e vão direito naturalde propriedade...Mais não pode também, pactuar com aqueles sitemas que reconhcendo o direito d epropriedade privada segundo um conceito absolutamente falso, põem-se em contradição com uam verdadeira e sadia ordem social"

Portanto não podemos pensar que um sistema é cristão somente por que defende a propriedade privada, pois esses podem estar em ttal desarmonia com a visão da igerja sobre tal assunto. Pio XII também diz que " onde o capitalismos e fundamenta nestas concepções errôneas , arrogando-se a um direito ilimitada a propriedade privada, fora de qualeu sibordinação o bem comum, a igreja sempre reprovou como contráditorio ao direit natura"

Entre muitas citações Papais que poderiamos aqui colocar, como as de João XXIII,porém isso tornaria o texto longo e enfadonho quria terminar com uam conclusão que acho necessária.
Enfim o conceito cristão da propriedade privada nada tem haver, com as teses consevadoras, que ignoram a necessidade de uam redistribuição completa das riquezas e sustentam uma ordem na qual propriedade privada , tornou-se um privilégio acumulutivo de poucos.Não se justifica portanto que se use a doutrina cristã para teorias conservadores do status quo.

Porém fica aqui uma pergunta que não consegui ainda solucionar. Qual o sentido da propriedade privada? não vale o jargão, uso social da terra, tbm vou pesquisar se alguém tiver alguma reposta.
avatar
Douglas

Mensagens : 12
Data de inscrição : 03/09/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Teologia da Libertação e Doutrina Social

Mensagem por alessandro em Qua Out 01, 2008 11:21 pm

Tinha esquecido deste tópico em aberto. Desculpe...assim que tiver um pouco de tempo para me dedicar melhor tento tecer algumas reflexões

_________________
Só vale a pena viver pelo que vale a pena morrer!!!
avatar
alessandro
Tira-dúvidas oficial

Mensagens : 750
Data de inscrição : 16/08/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Teologia da Libertação e Doutrina Social

Mensagem por João em Qui Out 02, 2008 10:09 pm

Qual o sentido da propriedade privada?

Fala Douglas!

Po...

minha resposta é bem pobre, mas...

Acho que Leão XIII fala isso quando cita:

A propriedade particular

4. De facto, como é fácil compreender, a razão intrínseca do trabalho empreendido por quem exerce uma arte lucrativa, o fim imediato visado pelo trabalhador, é conquistar um bem que possuirá como próprio e como pertencendo-lhe; porque, se põe à disposição de outrem as suas forças e a sua indústria, não é, evidentemente, por outro motivo senão para conseguir com que possa prover à sua sustentação e às necessidades da vida, e espera do seu trabalho, não só o direito ao salário, mas ainda um direito estrito e rigoroso para usar dele como entender. Portanto, se, reduzindo as suas despesas, chegou a fazer algumas economias, e se, para assegurar a sua conservação, as emprega, por exemplo, num campo, torna-se evidente que esse campo não é outra coisa senão o salário transformado: o terreno assim adquirido será propriedade do artista com o mesmo título que a remuneração do seu trabalho.

Minha opinião partindo disso é que:

A Propriedade Privada seria um direito e que tem o sentido de "materializar" o que alguém conquistou com seu trabalho, ou seja, "transformar" o dinheiro que se ganha trabalhando em algo material, como: carro, casa, etc.

Essa é minha opinião...

abraços
avatar
João

Mensagens : 85
Data de inscrição : 02/09/2008
Idade : 26
Localização : Petrópolis, RJ (São Cristóvão)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

a diferença...

Mensagem por Breno em Seg Out 20, 2008 9:14 pm

qual a diferença fundamental entre as teologias da libertação que são aceitas e as que não são aceitas pela igreja?
avatar
Breno

Mensagens : 22
Data de inscrição : 27/09/2008
Localização : petropolis

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Teologia da Libertação e Doutrina Social

Mensagem por João em Seg Out 20, 2008 9:24 pm

Olá!

Essa questão é nova para mim...

existe aceitas e não-aceitas?

abraços
avatar
João

Mensagens : 85
Data de inscrição : 02/09/2008
Idade : 26
Localização : Petrópolis, RJ (São Cristóvão)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Teologia da Libertação...

Mensagem por Ventura em Sab Nov 29, 2008 5:10 pm

No seu início, a TL teve alguns bons propósitos "...integrar as aspiraçoes de uma sociedade justa e digna do homem no interor de uma compreensao crista da vida e no contexto da situaçao latino-americana dos anos 60 e seguintes, ou seja , no contexto de sociedades que conhecem graves e profundos problemas socio-econômicos, situaçoes de pobreza extrema e de grandes injustiças", como enfatizou a Pe Leo. O problema maior começou quando os teólogos de tal movimento procuraram fazer uma síntese do cristianismo com as bases da filosofia marxista, ou seja, a tentativa de conciliar a doutrina da Igreja com uma filosofia materialista. Mas isso não possibilita a vivência de um cristianismo autêntico pq o materialismo do filósofo Karl Marx traz consigo uma alienação à matéria e por conseguinte um fechamento ao transcendente (ao plano espiritual), que é o fundamental. Marx dizia que "a religião é o ópio do povo", ou seja, que a religião impede o povo de lutar por seus direitos, de produzir segundo suas capacidades, etc... Mas não podemos esquecer que a maior libertação que pode haver para o homem é a libertação da escravidão do pecado e não simplesmente das condições sociais e econômicas miseráveis que vive o povo, buscando melhores condições de vida (material, ter isto ou aquilo). É exatamente por causa do pecado que essas coisas ruins acontecem. É claro que é justo procurar melhores condições de vida, o mínimo necessário para se viver, porém, isso ou tudo o mais sem Deus, sem a liberdade que Ele nos dá sobre o pecado, de nada vale....seria realmente uma alienação do homem na matéria....o que gera uma ininterrupta luta por conseguir juntar bens terrenos, que no fundo no fundo não nos salvará de nada. Enfim, se há ainda bons e verdadeiros propósitos na TL ou em alguma ramificação dela que devam ser aceitos, somente na perspectiva daquilo que a Igreja sempre apontou e fez (libertação do egoísmo, da ganância em ter sempre mais, dos pecados em geral)...olhando sempre para o alto, como diz São Paulo ("buscai as coisas do alto....pois vossa vida se encontra escondida em Deus") e com os pés no chão, sem esquecer dos mais necessitados ( "os cristãos tinham tudo em comum"), no mais todas aquelas ideologias que são contraditórias com os fundamentos do cristianismo, que tornam fastio o desejo de uma vida mais perfeita atravez da união com Deus e buscam como fundamento da vida somente o que é terreno, não são e nem serão aceitas...

Desculpe pelas muitas palavras, mas era necessário um enfoque filosófico seguidos de exemplos para entender um pouco melhor o assunto!

Caso não foi satisfatória a questão só comunicar! Um grande abraço!
avatar
Ventura

Mensagens : 7
Data de inscrição : 04/11/2008
Idade : 35

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Teologia da Libertação e Doutrina Social

Mensagem por alessandro em Sab Nov 29, 2008 5:29 pm

além disso alguns posicionamentos do magistérios falam sobre teologias da libertação. No plural...

o que normalmente que se dizer com isso é que é licíta uma teologia que verse sobre a libertação das injustiças sociais. o que não está de acordo com doutrina cristã, como muito bem apontado pelo ventura, é qdo se resumo toda llibertação a isso. além disso a reflexão cristã não pode estar subordinada a um pensamento com tantas teses contrárias, como o materialismo marxista.

recentemente li um livro muito bom sobre a TL, depois indico aqui.

além disso há outro usuário do fórum, o douglas, que está fazendo uma monografia sobre a crítcas de JP II a tal teologia. quem sabe assim que ele tiver tempo não posta algo para enriquecer esta discussão.

_________________
Só vale a pena viver pelo que vale a pena morrer!!!
avatar
alessandro
Tira-dúvidas oficial

Mensagens : 750
Data de inscrição : 16/08/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Teologia da Libertação e Doutrina Social

Mensagem por Leo Santos em Seg Jan 19, 2009 11:20 pm

Já não acho que qualquer presença do marxismo seja boa, pois é uma teorização do paraisitismo estatal, dos ditos defensores do povo.
Sei quem quando comandava a doutrina da fé, o ex-cardeal Ratzinger excomungou o Boff e foi acertado. Eu não tenho vontade alguma de conhecer alguém que foi excomungado, muito menos qualquer obra ou referência a uma dita teologia rejeitada pela doutrina da fé.

Leo Santos

Mensagens : 67
Data de inscrição : 08/12/2008
Idade : 42
Localização : Petropolis -RJ

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Teologia da Libertação e Doutrina Social

Mensagem por alessandro em Ter Jan 20, 2009 9:42 am

só para constar: a teologia da libertação de cunho marxista é realmente condenada pela Igreja, mas Leo boff não foi excomungado. recebeu um silencio obsequioso. seu rompimento com a Igreja se deu por ele nao rever a obra e sair da ordem fransciscana e se casar (no civil ) com uma mulher.

hj seu pensamento não está mais ligado a tl diretamente. ele trabalha com ecoteologia.

abraços a todos

_________________
Só vale a pena viver pelo que vale a pena morrer!!!
avatar
alessandro
Tira-dúvidas oficial

Mensagens : 750
Data de inscrição : 16/08/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Teologia da Libertação e Doutrina Social

Mensagem por Leo Santos em Ter Jan 20, 2009 9:04 pm

Ecoteologia, teologia da libertação não são nada.E a origem da teologia da libertação tem na mistura com o marxismo, boa coisa não é e nunca será, não importando quantas correntes e dissidências exista.
Ecoteologia, o que é isso, o greenpeace ajudando o Boff a criar mais uma enganação sob o nome de teologia?

Leo Santos

Mensagens : 67
Data de inscrição : 08/12/2008
Idade : 42
Localização : Petropolis -RJ

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Teologia da Libertação e Doutrina Social

Mensagem por Thales em Qua Abr 15, 2009 10:25 pm

Bom, o nome de alguma coisa nunca é suficiente para condená-la imediatamente.

alessandro escreveu:recentemente li um livro muito bom sobre a TL, depois indico aqui.
Estamos esperando, Alessandro. Smile
avatar
Thales
Tira-dúvidas oficial

Mensagens : 252
Data de inscrição : 08/08/2008
Localização : Petrópolis

Ver perfil do usuário http://quemtembocavaiaroma.livreforum.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Teologia da Libertação e Doutrina Social

Mensagem por Leo Santos em Sex Abr 17, 2009 4:49 pm

Claro que dá, ainda mais usando o princípio do fruto da árvore envenenada.

Leo Santos

Mensagens : 67
Data de inscrição : 08/12/2008
Idade : 42
Localização : Petropolis -RJ

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Teologia da Libertação e Doutrina Social

Mensagem por Alan em Qui Out 29, 2009 6:22 pm

Leo Santos escreveu:Já não acho que qualquer presença do marxismo seja boa, pois é uma teorização do paraisitismo estatal, dos ditos defensores do povo.
Sei quem quando comandava a doutrina da fé, o ex-cardeal Ratzinger excomungou o Boff e foi acertado. Eu não tenho vontade alguma de conhecer alguém que foi excomungado, muito menos qualquer obra ou referência a uma dita teologia rejeitada pela doutrina da fé.

O Alessandro tem razão em relação ao caso do Leonardo Boff mas ele não se desligou da Igreja segundo ele pois após ter se desligado da OFM ele pediu dispensa do sacerdócio então isto lhe foi negado e ele casou-se no civil, porém ele mesmo afirma que ainda faz parte da Igreja porém não exerce mais o sacerdócio, mas muitos o consideram apóstata. Condená-lo e condenar sua obra sem conhecimento é ao meu ver puro preconceito. Não sou defensor das atitudes que ele tomou e não sou adepto de TL mas não podemos condenar algo que não conhecemos. Creio que ele teve boas obras publicadas que valem a pena ler. A TL em sua raiz tinha boas idéias que ainda podem ser trabalhadas em conjunto com a doutrina da fé católica.

Paz e Bem

Alan
avatar
Alan

Mensagens : 230
Data de inscrição : 05/06/2009
Idade : 31
Localização : Curitiba

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Teologia da Libertação e Doutrina Social

Mensagem por alessandro em Qui Out 29, 2009 10:18 pm

só um ponto:
ele não diz ter rompido, como vc disse não esperou a dispensa.
além do que várias vezes negou a infalibilidade papal.

qto ao mais concordo com vc, não devemos criticar o que não conhecemos. em relação aos livros do leonardo boff ele possui tres fases: uma antes de seu engajamento maior na teologia da libertação. aquela marcada pela TL (que possui como ícones os livros Jesus Cristo Libertador e Igreja Carismo e Poder) e a atual.

não conheço a primeira parte de sua obra, mas ouvi elogios.
qto a segunda é interessante pelo debate em torno da TL, embora com vários pontos condenados pelo magistério.
a atual, na minha humilde opinião, não acrescenta muita coisa.

abraços

_________________
Só vale a pena viver pelo que vale a pena morrer!!!
avatar
alessandro
Tira-dúvidas oficial

Mensagens : 750
Data de inscrição : 16/08/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Teologia da Libertação e Doutrina Social

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum