DOGMAS CATÓLICOS V

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

DOGMAS CATÓLICOS V

Mensagem por Yuri07 em Sex Jan 08, 2010 8:23 pm

Chegou a vez dos dogmas marianos (dogmas que falam a respeito de Maria)

A IMACULADA CONCEIÇÃO DE MARIA


O Papa Pio IX, na Bula "Ineffabilis Deus", de 8 de Dezembro de l854 definiu solenemente o dogma da Imaculada Conceição de Maria:

· "Declaramos, pronunciamos e definimos que a doutrina que sustenta que a Santíssima Virgem Maria, no primeiro instante de sua conceição, foi por singular graça e privilégio de Deus onipotente em previsão dos méritos de Cristo Jesus, Salvador do gênero humano, preservada imune de toda mancha de culpa original, foi revelada por Deus, portanto, deve ser firme e constantemente acreditada por todos os fiéis" (Dz. 1641).

a. Maria desde o primeiro instante que é constituída como pessoa no seio de sua mãe, o é sem mancha alguma de pecado (=pecado original).

b. Como foi concebida sem pecado:

1. Ausência de toda mancha de pecado.

2. Lema da graça Santificante.

3. Ausência da inclinação ao mal.

c. Esse privilégio e dom gratuito foi concedido apenas à Virgem e a ninguém mais, em atenção àquela que havia sido predestinada para ser a Mãe de Deus.

d. Em previsão dos méritos de Cristo porque a Maria a Redenção foi aplicada antes da morte do Senhor.

Provas das Escrituras:

· "Estabeleço hostilidade..." (Gn 3,15).

· "Deus te salve, cheia de graça." (Lc 1,28).

· "Bendita tu entre as mulheres..." (Lc 1,42).
avatar
Yuri07

Mensagens : 173
Data de inscrição : 30/10/2009
Idade : 27
Localização : Recife, PE

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: DOGMAS CATÓLICOS V

Mensagem por são vieira em Sab Jan 09, 2010 6:14 am

este dogma é confuso para mim...

maria, mãe de Deus...

O anjo Gabriel lhe apareceu e lhe falou de quão privilegiada ela seria. “Eis”, disse ele, “que conceberás no teu seio e darás à luz um filho, e tu o chamarás com o nome de Jesus. Ele será grande, será chamado Filho do Altíssimo”.

portanto, Deus, o criador, em cima e filho transferido em baixo na terra...

mas se Jesus é Deus segundo os trinitaristas como pôde o ventre de Maria conter Deus se nem os próprios céus o contêm?

(1 Reis 8:27) 27 “Porém, morará Deus verdadeiramente na terra? Eis que os próprios céus, sim, o céu dos céus, não te podem conter; quanto menos, então, esta casa que construí!

são vieira

Mensagens : 578
Data de inscrição : 15/07/2009
Idade : 36
Localização : portugal

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: DOGMAS CATÓLICOS V

Mensagem por Pe. Anderson em Sab Jan 09, 2010 7:59 am

Caríssima Vieria,

Vamos repetir mais uma vez aqui:

Jo 21, 26-29: "Oito dias depois, estavam os seus discípulos outra vez no mesmo lugar e Tomé com eles. Estando trancadas as portas, veio Jesus, pôs-se no meio deles e disse: A paz esteja convosco! Depois disse a Tomé: Introduz aqui o teu dedo, e vê as minhas mãos. Põe a tua mão no meu lado. Não sejas incrédulo, mas homem de fé. Respondeu-lhe Tomé: Meu Senhor e meu Deus! Disse-lhe Jesus: Creste, porque me viste. Felizes aqueles que crêem sem ter visto!

Jesus é Deus, é o Filho do Altíssimo, o Filho único de Deus. Maria, por graça de Deus, é verdadeira mae de Jesus Cristo, o Verbo de Deus que se fez carne e habitou entre nós (Jo 1,14).

Maria, por ser mae da única pessoa do Filho de Deus feito homem, é verdadeira mae de Deus. Esse dogma afirma em primeiro lugar, a unidade na pessoa da natureza divina de Cristo, com sua verdadeira natureza humana.

Maria é verdaderia mae de Deus, ainda que ela nao tenha dado a Jesus Cristo a sua divindade (que é eterna). Assim como toda mae dá ao seu filho somente uma parte da sua matéria e é verdadeiramente mae da sua pessoa, Maria é verdadeira Mae de Deus, que se fez carne no seu seio.

É verdade que nem os céus podem conter a Deus. Em Cristo, toda a divindade estava nele e, ao mesmo tempo, em Deus. A Encarnaçao nao supoe uma mudança na natureza divina do Filho, que permanece única, perfeita e ONIPRESENTE. Ao mesmo tempo, a Encarnaçao supoe uma ASSUNÇAO da natureza humana. Deus se fez realmente homem e assim o homem passa a participar realmente na natureza divina.

2 Ped 1, 3-4: "O poder divino deu-nos tudo o que contribui para a vida e a piedade, fazendo-nos conhecer aquele que nos chamou por sua glória e sua virtude. Por elas, temos entrado na posse das maiores e mais preciosas promessas, a fim de tornar-vos por este meio participantes da natureza divina, subtraindo-vos à corrupção que a concupiscência gerou no mundo".

Grande abraço.
avatar
Pe. Anderson
Admin

Mensagens : 952
Data de inscrição : 10/09/2008
Idade : 35
Localização : Roma

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: DOGMAS CATÓLICOS V

Mensagem por são vieira em Seg Jan 11, 2010 4:07 am

(João 20:28) . . .Em resposta, Tomé disse-lhe: “Meu Senhor e meu Deus!”

Este e outros relatos foram “escritos para que [creiamos] que Jesus é o Cristo, o Filho de Deus”. E Tomé não estava contradizendo Jesus, que enviara a Seus discípulos a mensagem: “Eu ascendo para . . . meu Deus e vosso Deus.”
Jesus também adorava o pai...

Jesus o Porta-Voz e Representante de Deus, assim como outros se dirigiram a mensageiros angélicos como se fossem Jeová. — Gênesis 18:1-5, 22-33; 31:11-13; 32:24-30; Juízes 2:1-5; 6:11-15; 13:20-22.

são vieira

Mensagens : 578
Data de inscrição : 15/07/2009
Idade : 36
Localização : portugal

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: DOGMAS CATÓLICOS V

Mensagem por Yuri07 em Seg Jan 11, 2010 9:55 am

A questão da Trindade é incontestável e já foi bem discutida nesse fórum. Segundo todo cristão, Jesus é Deus feito homem (isso é crido por todo cristão desde seus primeiros tempos).

O dogma da Imaculada Conceição não fala da maternidade divina de Maria, fala de sua concepção sem mácula. Embora todo esse mistério: Imaculada conceição, maternidade divina, perpétua virgindade e assunção ao céu una num único mistério (a cooperação dela na redenção).
avatar
Yuri07

Mensagens : 173
Data de inscrição : 30/10/2009
Idade : 27
Localização : Recife, PE

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: DOGMAS CATÓLICOS V

Mensagem por Yuri07 em Seg Jan 11, 2010 10:01 am

Em Jesus está a plenitude da divindade, aquela que o recebeu no seu ventre, recebeu a divindade e foi mãe da divindade.

MARIA, MÃE DE DEUS

O Concilio de Éfeso (431), sob o Papa São Clementino I (422-432), definiu solenemente que:

· "Se alguém afirmar que o Emanuel (Cristo) não é verdadeiramente Deus, e que portanto, a Santíssima Virgem não é Mãe de Deus, porque deu à luz segundo a carne ao Verbo de Deus feito carne, seja excomungado." (Dz. 113).

Muitos Concílios repetiram e confirmaram esta doutrina:

· Concílio de Calcedônia (Dz. 148).

· Concílio de Constantinopla II (Dz. 218, 256).

· Concílio de Constantinopla III (Dz. 290).

Maria gerara a Cristo segundo a natureza humana, mas quem dela nasce, ou seja, o sujeito nascido, não tem uma natureza humana, mas sim o suposto divino que a sustenta, ou seja, o Verbo. Daí que o Filho de Maria é propriamente o Verbo que subsiste na natureza humana; então Maria é verdadeira Mãe de Deus, posto que o Verbo é Deus. Cristo: Verdadeiro Deus e Verdadeiro Homem.

Provas das Escrituras:

· "Eis que uma Virgem conceberá..." (Is 7,14).

· "Eis que conceberás..." (Lc 1,31).

· "O que nascerá de Ti será..." (Lc 1,35).

· "Enviou Deus a seu Filho nascido..." (Gl 4,4).

· "Cristo, que é Deus..." (Rm 9, 5).
avatar
Yuri07

Mensagens : 173
Data de inscrição : 30/10/2009
Idade : 27
Localização : Recife, PE

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: DOGMAS CATÓLICOS V

Mensagem por são vieira em Seg Jan 11, 2010 10:11 am

eu não creio na trindade como já mencionei anteriormente, por alguns factores, e de que existem diversas formas de a interpretar, a trindade, e a que foi estabelecida originalmente no consilio, portanto não é unanime e por isso é designada de mistério, não entra em conformidade com o Revelador de segredos e nada nos é oculto segundo o seu proposito.

Daniel 2:28, amós 3:7

sim, é mãe de jesus e disso não contesto de maneira alguma.

atenciosamente

são vieira

Mensagens : 578
Data de inscrição : 15/07/2009
Idade : 36
Localização : portugal

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: DOGMAS CATÓLICOS V

Mensagem por Yuri07 em Qua Jan 13, 2010 1:43 pm

A forma que a Igreja vê a Trindade é unânime, o pensamento da Igreja não é contraditório.

Infelizmente,no momento, não estou com tempo de falar sobre a questão do mistério.

O Deus de todo cristão é uma Trindade.
avatar
Yuri07

Mensagens : 173
Data de inscrição : 30/10/2009
Idade : 27
Localização : Recife, PE

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: DOGMAS CATÓLICOS V

Mensagem por Yuri07 em Qua Jan 13, 2010 1:45 pm

Mas é uma tendência dos tempos atuais retornarem a heresias defendidas no passado como o arianismo e se afastarem da Sã Doutrina.
avatar
Yuri07

Mensagens : 173
Data de inscrição : 30/10/2009
Idade : 27
Localização : Recife, PE

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: DOGMAS CATÓLICOS V

Mensagem por Yuri07 em Qua Jan 13, 2010 1:51 pm

A ASSUNÇÃO DE MARIA

O Papa Pio XII, na Bula "Munificentissimus Deus", de 1º de Novembro de 1950, proclamou solenemente o dogma da assunção de Maria ao céu:

· "Pronunciamos, declaramos e definimos ser dogma divinamente revelado que a Imaculada Mãe de Deus, sempre Virgem Maria, cumprindo o curso de sua vida terrena, foi assunta em corpo e alma à gloria celeste" (Dz. 2333).

A Virgem Maria foi assunta ao céu imediatamente depois que acabou sua vida terrena; seu Corpo não sofreu nenhuma corrupção como sucederá com todos os homens que ressuscitarão até o final dos tempos, passando pela descomposição.

O essencial do dogma é que a Virgem foi levada ao céu em corpo e alma, com todas as qualidades e dotes próprios da alma dos bem-aventurados e igualmente com todas as qualidades próprias dos corpos gloriosos.

Se entende melhor tudo ao recordar:

1. Maria foi isenta de pecado original e atual.

2. Teve a plenitude da graça.

Fundamentos deste dogma:

Desde os primeiros séculos foi um sentir unânime da fé do povo do Deus, dos cristãos. Os Santos Padres e Doutores manifestaram sua fé nesta verdade:

· São João Damascemo (séc. VII): "Convinha que aquela que no parto havia conservado a íntegra de sua virgindade, conservasse sem nenhuma corrupção seu Corpo, depois da morte."

· São Germano de Constantinopla (séc. VII): "Assim como um filho busca estar com a própria Mãe, e a Mãe anseia viver com o filho, assim foi justo também que tu, que amavas com um coração materno a teu Filho, Deus, voltasses a Ele."

Portanto, o fundamento deste dogma se depreende e é consequência dos anteriores.
avatar
Yuri07

Mensagens : 173
Data de inscrição : 30/10/2009
Idade : 27
Localização : Recife, PE

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: DOGMAS CATÓLICOS V

Mensagem por Yuri07 em Sab Fev 13, 2010 9:27 am

Peço desculpas pela demora. Para encerrar os dogmas marianos, falta a PERPÉTUA VIRGINDADE DE MARIA.

Essas palavras foram usadas no tópico sobre quem eram os irmãos de Jesus; mas, para que o tópico fique completo, vou repostá-lo aqui de novo.

A Virgem


Em sentido próprio é a integridade física dos órgãos reprodutivos. Muitas vezes a virgindade de Maria foi atacada pelos hereges. É verdade da fé católica que Nossa Senhora ficou perfeitamente sempre virgem, antes do parto, no parto e depois do parto.
No Símbolo apostólico se diz: "Nascido de Maria Virgem"; nas antigas liturgias é frequente o título de Maria sempre virgem. No Concílio Romano do ano 649 se define Maria Imaculada, sempre virgem, que concebeu sem concurso de homem e ficou também intacta depois do parto.
Na Sagrada Escritura temos a famoso trecho de Isaías 7, 14: "Eis que uma virgem conceberá e dará a luz a um filho e o chamará Deus conosco". O texto é certamente messiânico e portanto a Virgem é Maria. No Evangelho, cita-se esta profecia (Mt. 1, 18-23) e se conta com exatas palavras o nascimento virginal de Jesus, por obra do Espirito Santo. Os Padres da Igreja, no trecho de Ez. 44,2 vê a virgindade de Maria depois do parto: "este pórtico ficará fechado. Não se abrirá e ninguém entrará por ele, porque por ele entrará Iahweh, o Deus de Israel, pelo que permanecerá fechado".
Toda a Tradição é concorde em defender a virgindade perpétua de Maria: Santo Agostinho afirma: "A Virgem concebeu, a Virgem ficou grávida, a Virgem deu a luz, a Virgem é virgem perpétua". A razão teológica deste dogma é clara e tão simples, ela está na divindade do Verbo e na maternidade de Maria, ao qual repugnou toda a corrupção.
avatar
Yuri07

Mensagens : 173
Data de inscrição : 30/10/2009
Idade : 27
Localização : Recife, PE

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: DOGMAS CATÓLICOS V

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum