o sábado no novo testamento

Página 3 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: o sábado no novo testamento

Mensagem por Ralão em Dom Set 26, 2010 4:32 pm

Boas,

Lê o meu 1º paragrafo, vai à Biblia ler a passagem e depois se a duvida continuar, tamos cá para o que fôr preciso.
avatar
Ralão

Mensagens : 92
Data de inscrição : 17/10/2009
Idade : 50
Localização : Portugal - Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: o sábado no novo testamento

Mensagem por quemtembocadizaverdade em Dom Set 26, 2010 5:27 pm

nós nos reunimos de sábado, domingo e quarta- feira . eu quero o verso bíblico que diz que Jesus ressucitou no domingo, e portanto auterou a lei do seu Pai. veja o que Jesus disse em Mateus 5: 17 a 19
Não cuideis que vim destruir a lei ou os profetas: não vim ab-rogar, mas cumprir.

Porque em verdade vos digo que, até que o céu e a terra passem, nem um jota ou um til se omitirá da lei, sem que tudo seja cumprido.

Qualquer, pois, que violar um destes mandamentos, por menor que seja, e assim ensinar aos homens, será chamado o menor no reino dos céus; aquele, porém, que os cumprir e ensinar será chamado grande no reino dos céus
avatar
quemtembocadizaverdade

Mensagens : 342
Data de inscrição : 15/09/2010
Localização : sao paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

o sábado no novo testamento

Mensagem por quemtembocadizaverdade em Dom Set 26, 2010 5:30 pm



O SÁBADO NO NOVO TESTAMENTO



Os que insistem em pregar que o sábado passou, e que os cristãos estão hoje desobrigados de sua observância, afirmam apoiarem-se nos ensinamentos de Jesus ou dos apóstolos para justificarem tal mudança na Lei. Mas Jesus realmente ensinou que o sábado não mais deveria ser guardado? Aboliu o Senhor este mandamento, e colocou o domingo em seu lugar, como o dia de adoração para os cristãos? Vejamos o que diz a Palavra do Senhor, pois o sábado aparece mais de 60 vezes no Novo Testamento. Vamos analisar agora as passagens dos evangelhos que tratam sobre o sábado:

a) Mt 12:1-14 (cf. Mc 2:23-3:6; Lc 6:1-11)

Nesta passagem Jesus é interrogado por estar colhendo espigas no sábado. São os fariseus que condenam esta ação, pois eles haviam sobrecarregado o sábado com inúmeras “mini-leis”, que deveriam disciplinar a observância desse dia. Jesus, então, responde com a famosa frase: “O Filho do Homem é Senhor do sábado”. Ora, Jesus é Senhor de tudo, INCLUSIVE do sábado. Esta declaração não dá nenhuma margem para que o sábado fosse abolido ou minimizado; apenas demonstra que Jesus possuía (e possui) uma autoridade superior àquela que os fariseus estavam dando a Ele, ou seja, para os fariseus Jesus não passava de um impostos, mas o Mestre demonstrou o erro dos “doutores”, ao declarar que o sábado era um dia criado por Ele, por isso, apenas Ele tinha total autoridade sobre esse dia.

Em seguida, surge a situação da cura do homem da mão ressequida. Jesus já sabia muito bem que os fariseus não concordariam com uma cura realizada no sábado, mas o Senhor conhecia o coração hipócrita desses líderes, que estavam dispostos a sacrificar uma vida humana (especialmente se fosse de um pobre) mas não achavam errado socorrer um animal ferido no sábado, quando isso pudesse trazer algum retorno financeiro para eles.

A passagem em questão termina de forma bastante interessante (cf. Mt 12:14), pois os fariseus estavam acusando Jesus de “transgredir” a Lei, mas eles próprios não estavam se dando conta de que um mandamento também dizia para “não matar”. Que ironia!

O evangelho de Marcos (2:27) acrescenta a declaração de Jesus de que o “sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado”. Isto é perfeitamente compreensível e verdadeiro, pois tudo neste mundo (natureza, animais, igreja, família, sexo, salvação, sábado, perdão, etc.) foi criador pelo Senhor para benefício da Sua mais importante criatura – o homem. Tudo foi feito “por causa”, ou seja, em benefício do homem. Dizer que nesta declaração Jesus está afirmando que não precisamos obedecer o mandamento do sábado é, no mínimo, um desprezo às mais elementares regras de interpretação de texto.

b) Mt 24:20

Esta é uma passagem que demonstra a verdadeira noção de importância que Jesus dava ao dia de sábado. Nesta profecia, o Senhor declara que a fuga dos discípulos nos períodos de tribulação não deveria ocorrer no sábado, pois isto certamente os encontraria desprevenidos por estarem envolvidos na preparação e santidade deste dia. Jesus foi tão preciso em Sua profecia, que o exército romano entrou e destruiu Jerusalém no ano 70 d.C., ou seja, aproximadamente 40 anos após Jesus ter feito a declaração de Mt 24:40. Que importante e inquestionável testemunho da validade que o sábado tem na vida de adoração do crente, mesmo após a ressurreição do Salva-dor. Jesus desejava que o sábado permanecesse como dia de adoração, mesmo após Sua morte e ressurreição, como fica evidente pela leitura desta passagem. Este é um dos muitos versos que os inimigos do sábado nem mencionam, pois não conseguem explicá-lo sem distorcer o real sentido da passagem.

c) Mt 28:1-10 (cf. Mc 16:1-11; Lc 24:1-12; João 20:1-10)

Este texto trata da ocasião em que Jesus foi crucificado e ficou durante o sábado na sepultura. Novamente, em nenhum momento há qualquer menção sobre a abolição do sábado para os cristãos. Há o relato histórico de que foi numa sexta-feira (chamado de “dia da preparação” para o sábado – Mc 15:42) que Jesus foi crucificado, permanecendo durante todo este dia na sepultura, e ressuscitando apenas na madrugada do domingo. Interessante notar que este foi o único dia em que Jesus ficou integralmente na sepultura, descansando do mesmo modo como havia feito na Criação (cf. Gên. 2:1-3; João 1:1-14).

d) Lc 4:16

Que texto maravilhoso! Uma declaração absolutamente clara de que era “costume”, ou seja, era um hábito normal de Jesus estar na sinagoga (a igreja da época) no dia de sábado. Ele, como Criador e Mantenedor de tudo, não poderia deixar de lado algo que Ele mesmo criou, santificou, abençoou e deixou como exemplo para toda a humanidade. Este é outro texto que os inimigos do sábado não conseguem argumentar contra, sem distorcer o que a Bíblia está ensinando.

e) Lc 13:10-14:6 (cf. João 5:9-9:16)

Novamente Jesus é interrogado sobre a legalidade de se realizarem curas no sábados. É evidente que não se pode usar o sábado como desculpa para não operar o bem ao próximo. Os fariseus, porém, atolados em sua hipocrisia e ganância, preferiam “fechar os olhos” para algo tão claro, revelado no amor de Deus. O texto é muito claro em dizer que os fariseus “nada puderam responder” a Jesus (cf. Lc 14:6).

f) Lc 23:56

Outro verso para o qual os inimigos do sábado não conseguem dar uma explicação eficaz e verdadeira, sem distorcer o texto bíblico. Se Jesus REALMENTE havia ensinado ou insinuado que o sábado era desnecessário na nova aliança, e que o “tempo da graça” havia chegado, por que estas mulheres continuaram guardando-o? Não havia chegado a hora de coloca este “jugo” de lado, como o dizem muitos hoje?

Estas santas mulheres, que permanecerem ao lado de Jesus durante Seu ministério terrestre; que ouviram os ensinamentos divinos dos lábios do próprio Senhor do Universo; que sabiam das respostas que Jesus havia dado aos fariseus acerca do tema do sábado, como vimos anteriormente; que presenciaram a crucifixão do Seu Mestre; estas mulheres não abandonaram o mandamento do sábado quando Jesus morreu, e muito menos adoraram no domingo, como fazem os pseudo seguidores de Jesus da atualidade. Elas permaneceram fiéis à Lei do Senhor, e “descansaram segundo o mandamento” (cf. Êx 20:8-11). Mais claro que isso é impossível...

Eu já li muitos livros escritos pelos inimigos do sábado que sempre citam a passagem de João 20:19 para apoiarem sua teoria de que os discípulos trocaram o sábado pelo domingo, após a ressurreição de Cristo. Basta uma leitura sincera do texto para ver que o motivo que levou os seguidores de Jesus a estarem reunidos naquele dia era o “medo dos judeus”. Não estavam ali fazendo uma missa ou culto de adoração, mas estavam era se escondendo da perseguição que já estava sendo iniciada.

É muito fácil distorcer o texto bíblico, ou qualquer outro texto interpretativo, para favorecer um pensamento pessoal de um indivíduo ou denominação. Mas o Espírito Santo ajuda àqueles que, sinceramente, buscam descobrir a verdade acerca do viver que agrada ao Senhor. Não encontramos em nenhum lugar da Bíblia a palavra “domingo”, nem qualquer menção à mudança do sétimo para o primeiro dia da semana, nem por Jesus, nem pelos Seus apóstolos (como veremos adiante).

Se você deseja seguir o exemplo de Jesus e das pessoas que O seguiam, então você não pode mais desprezar a santidade do sábado, e deve procurar imediatamente concertar sua vida com o Senhor, pedindo perdão a Ele pela “cegueira” que fez com que este dia fosse menosprezado em sua vida.

Os Adventistas do Sétimo Dia sentem-se felizes e aliviados por terem a plena certeza de que a bênção do Senhor está sempre sobre aqueles que fazem Sua vontade, apesar de possíveis perseguições, humilhações, escárnios ou desprezo daqueles que fecham os olhos para o claro ensino bíblico acerca do verdadeiro dia do Senhor – o sábado (cf. Ap 1:10: Is 58:13; João 20:1, 19). Nosso próprio nome já é um testemunho ao mundo de que Jesus é o Senhor da Igreja Adventista (cf. Ez 20:12, 20).

O Sábado no Livro de Atos

Este livro é muito esclarecedor porque nos mostra um resumo de como era a vida na Igreja que estava iniciando seus primeiros passos. Certamente é no livro de Atos que poderemos encontrar alguma base de autoridade para a rejeição atual do sábado do sétimo dia, se é que existe tal base.

1:12 – Esta é a primeira menção ao sábado no livro de Atos, apenas fazendo referência ao costume de andar uma curta distância durante este dia (aproximadamente 1 Km).

13:14 – Os discípulos procuram uma sinagoga para pregar. São acolhidos com atenção e aproveitam para pregar sobre Jesus (vv. 16-41), acrescentando que em todos os sábados são lidos os ensinamentos de Deus nas sinagogas (v. 27).

13:42 – Os discípulos receberam o convite para retornarem no próximo sábado, e continuarem a maravilhosa pregação sobre Jesus.

13:44 – Quase toda a cidade veio no sábado para ouvir o que os discípulos tinham ainda para falar. Percebemos que não eram todos judeus (como os inimigos do sábados dizem hoje), pois estes estavam tentando desfazer a pregação dos discípulos diante da multidão (v. 45).

15:12-21 – Esta é uma passagem reveladora, pois foram determinadas algumas coisas que não mais poderiam ser impostas sobre os gentios conversos ao cristianismo. Pergunta-se: Por que os apóstolos não incluíram o sábado entre os temas proibidos???? Não dizem hoje que eles trocaram o sábado pelo domingo, logo após a ressurreição???? Fica evidente que os inimigos do sábado hoje em dia estão mais interessados em tradições humanas, do que seguir os princípios que os discípulos de Jesus demonstravam em sua própria vida.

16:11-15 – Alguns dizem que os discípulos pregavam no sábado apenas para aproveitar as sinagogas judaicas. Mas a passagem em questão revela claramente que não era este o real motivo. Paulo, como você sabe, foi um apóstolo que não conviveu pessoalmente com Jesus, tendo sido convertido alguns anos após a ressurreição do Mestre. Paulo é encontrado aqui neste texto procurando “um lugar de oração”, no sábado, afastado da cidade? Por que??????????? Será que o Espírito Santo não havia orientado o apóstolo a abandonar os “rudimentos” do judaísmo, como dizem os inimigos do sábado? Fica muito claro para o leitor sincero que Paulo, um dos maiores apóstolos de Cristo, nunca ensinou a abolição do sábado do sétimo dia, e ele mesmo vivia a santidade deste dia especial por onde quer que andasse.

17:1-3 – Novamente, Paulo é visto aproveitando o sábado para pregar a salvação em Cristo àquelas cidades.

18:1-4 – O apóstolo da graça e dos gentios tinha uma profissão – fazer tendas. Mas o texto é claro ao dizer que Paulo fechava sua oficina ou sábado (ou será no domingo, e a pessoa que digitou a Bíblia era Adventista e mudou a digitação para sábado????). Paulo adorava o Senhor Jesus no dia de sábado, como fica evidente pelo texto bíblico, e se dirigia ao local de adoração para pregar sobre a salvação em Jesus. Percebe-se facilmente (basta ler sem preconceitos) que não era apenas para encontrar os judeus que Paulo ia à sinagoga no sábado, pois o próprio texto afirma que ele pregava também aos gregos neste dia, e bem sabemos que os gregos não santificavam o sábado.

19:17-27 – Nesta passagem, Paulo afirma enfaticamente que estava de consciência limpa porque ensinara TUDO que era importante para os gentios viverem uma vida de verdadeiros cristãos, bem como mostrara para eles TODO o desígnio de Deus para suas vidas. Mas em NENHUM momento ele fala para eles abandonarem o sábado e adorarem o Senhor no domingo. Que interessante!

O Sábado Nas Epístolas Paulinas

Vamos analisar uma passagem na qual Paulo refere-se ao sábado, e esta é muito utilizada pelo inimigos do sábado para “provarem” que o apóstolo não aceitava a guarda deste dia.

Col. 2:16 – Paulo está dizendo aqui que o sábado não é importante para o crente da nova aliança? É mesmo isso que o texto está ensinando? É muito fácil para aqueles que agem com falsidade e infidelidade para com a Bíblia, simplesmente isolarem um texto de seu contexto, e ensinarem deturpações doutrinárias que a Bíblia nunca autorizou. Eu conheço diversas denominações que surgem dessa forma, através da interpretação equivocada e destituída de sinceridade com que alguns ensinam algum texto bíblico (por exemplo: batismo pelos mortos, arrebata-mento secreto, dom de línguas, prosperidade material, imortalidade da alma, comer de tudo, uso de véu pelas mulheres, guarda do domingo, mariolatria, etc... apenas para citar algumas).

O contexto da passagem de Col. 2:16 revela claramente que o tema não era propriamente o sábado do sétimo dia. O verso 17 acrescenta que o que havia sido mencionado no v. 16 (lua nova, festas, sábados) era apenas uma SOMBRA de coisas futuras. Mas o sábado do 4º manda-mento (cf. Êx 20:8-11) era sombra de quê? De absoluta-mente nada!

Quando Paulo fala em Colossenses que o sábado era uma sombra, certamente ele se referia aos dias sabáticos cerimoniais (cf. Lv 23), que apontavam para a redenção que o Messias operaria em Israel, cujo cumprimento veio na Pessoa Divino-Humana de Jesus Cristo. No próximo tópico vamos analisar melhor estes “sábados” que apontavam ao Messias.



O Sábado no Apocalipse

1:10 – Alguns querem defender que este verso indica que o “dia do Senhor” é o domingo. Porém um estudo apurado do texto no seu original grego demonstra que traduzir “dia do Senhor” por “domingo”, como acontece com algumas versões tendenciosas da Bíblia, é um equívoco. A expressão que aparece no texto grego de Ap 1:10 é KURIAKÊ EMÊRA, que significa apenas “dia do Senhor”, nada tendo a ver com o domingo.

Relembremos qual era o dia que os discípulos consideravam como sendo o “dia do Senhor”. Basta ler alguns textos-chaves, como João 20:1, 19, por exemplo, para vermos que João considerava o sábado como sendo o verdadeiro “dia do Senhor”. Traduzir este verso, colocando a palavra “domingo” como sendo a correspondente de KU-RIAKÊ EMÊRA é uma tentativa desesperada de incluir na Bíblia alguma base para a guarda de um dia, cuja Palavra de Deus nunca autoriza a ser guardado, muito menos em substituição ao sábado do sétimo dia.

14:6-7 – Interessante notar que a mensagem que o 1º anjo recebeu para levar a todo o mundo era uma exortação para adorarem a Deus como “Criador” de todas as coisas. O mais curioso é que o único mandamento que revela o motivo pelo qual o Senhor deve ser adorado é o 4º - o do sábado (cf. Gên. 2:1-3; Êx 20:8-11), e pratica-mente a mesma seqüência de palavras é utilizada em ambas as passagens (cf. Êx 20:11; Ap 14:7), ou seja, devemos adorar Aquele que fez o céu, e a terra, e o mar, e tudo o mais. Coincidência? Não. A Bíblia é um livro de “providências”.

Os santos de Deus, no Apocalipse, são retratados como sendo aqueles que “guardam os mandamentos de Deus” (cf. 12:17; 14:12; Sal. 119:152). E a Bíblia considera a guarda dos mandamentos como sendo válida SOMENTE quando TODOS os mandamentos são obedecidos, inclusive o 4º (cf. Tg 2:10-11).

Como pudemos ver no texto bíblico, não há uma única palavra autorizando a abolição do sábado do sétimo dia; pelo contrário, vemos que TODOS os discípulos de Cristo continuaram guardando este dia, mesmo muitos anos após a Sua morte, como foi o caso de Paulo, por exemplo.

Há algumas passagens que tratam do primeiro dia da semana. Mas, será que elas autorizam alguma mudança? Vejamos...

a) “No findar do sábado, ao entrar o primeiro dia da semana, Maria Madalena e a outra Maria foram ver o sepulcro” (Mt 28:1). O verso apenas diz que elas foram ao sepulcro no primeiro dia da semana, após o sábado, pois elas haviam descansado no sábado em obediência ao mandamento (cf. Lc 23:54-56). O verso nada fala sobre a santidade do domingo após a ressurreição de Jesus.

b) “E, muito cedo, no primeiro dia da semana, ao despontar do sol, foram ao túmulo” (Mc 16:2). Outro verso que apenas faz o relato de que as mulheres foram ao sepulcro no primeiro dia da semana, e apresenta que só foram neste horário porque o sábado já havia passado (cf. Mc 16:1). Nada fala sobre a santidade do domingo, e ainda confirma que elas guardavam o sábado do Senhor.

c) “Havendo ele ressuscitado de manhã cedo no primeiro dia da semana, apareceu primeiro a Maria Madalena, da qual expelira sete demônios” (Mc 16:9). Apenas mais um relato sobre o momento histórico no qual Jesus ressuscitou. Mais uma vez, nada é apresentado sobre a pseudo-santidade do domingo como dia da ressurreição de Cris-to.

d) “Mas, no primeiro dia da semana, alta madrugada, foram elas ao túmulo, levando os aromas que haviam preparado” (Lc 24:1). Como o último verso do cap. 23 deixa claro que aquelas mulheres guardavam o sábado, foi só passar o pôr-do-sol e elas foram ao sepulcro realizar o trabalho que havia sido deixado por fazer, para não se transgredir as horas santas do sábado do Senhor (cf. Lc 23:54-56). Você vê algo neste verso que autorize a santidade do domingo? Nem eu...

e) “No primeiro dia da semana, Maria Madalena foi ao sepulcro de madrugada, sendo ainda escuro, e viu que a pedra estava revolvida” (João 20:1). Apenas a repetição das passagens anteriores. Ninguém está questionando que Jesus ressuscitou no domingo, mas dizer que por este motivo este dia agora ficou no lugar do sábado, é acrescentar palavras que não estão no texto inspirado da Bíblia. Até aqui ainda estou esperando para ver onde está a tal “autorização” para mudar o sábado para o domingo...

f) “Ao cair da tarde daquele dia, o primeiro da semana, trancadas as portas da casa onde estavam os discípulos com medo dos judeus, veio Jesus, pôs-se no meio e disse-lhes: Paz seja convosco” (João 20:19). O texto é muito claro em afirmar o motivo pelo qual eles estavam reunidos: o medo dos judeus. Não tinha nada que ver com um culto ou missa dominical. O v. 26 diz que oito dias depois Jesus Se apresentou novamente para os discípulos. Jesus encontra-os ainda escondidos dos judeus, com as portas trancadas, e aproveita para apresentar-Se a Tomé, que estava ainda duvidando de Sua ressurreição. Nada ainda encontramos sobre a autoridade de mudar o sábado para o domingo. E olha que este seria um bom momento para Jesus aproveitar e ensinar para os discípulos que o domingo agora deveria ser o dia de guarda. Mas... se você encontrar tal ordem na sua Bíblia avise-me, pois eu ainda não a encontrei.

g) “No primeiro dia da semana, estando nós reunidos com o fim de partir o pão, Paulo, que devia seguir viagem no dia imediato, exortava-os e prolongou o discurso até à meia-noite” (At 20:7). O motivo pelo qual os discípulos estavam reunidos neste primeiro dia da semana é revelado no próprio texto bíblico: Paulo estava para viajar no dia seguinte. Nada mais. Não era um culto semanal dominical, pois já vimos que Paulo adorava o Senhor no sábado (cf. At 16:11-15; 18:1-4; etc.). Ainda nenhuma palavra sobre a mudança do sábado para o domingo. Será que não vamos encontrá-la?!

i) “No primeiro dia da semana, cada um de vós ponha de parte, em casa, conforme a sua prosperidade, e vá juntando, para que se não façam coletas quando eu for” (1Co 16:2). Este é o ÚLTIMO dos oito únicos versos do Novo Testamento que fala sobre o primeiro dia da semana. Já vimos que as sete passagens anteriores nada falam sobre a autorização para os cristãos mudarem o sábado para o domingo. Resta agora analisar esta última passagem. Paulo está falando sobre uma ajuda que seria enviada para os irmãos da Judéia (v. 1; cf. At 11:28-30). Os irmãos não são orientados a se reunirem no primeiro dia da semana para adorarem ao Senhor. O apóstolo dá uma orientação para separarem sua contribuição “em casa”, muito provavelmente junto com as provisões semanais da própria família. Quando Paulo visitasse a cidade, as ofertas já deveriam estar todas prontas. O fato de os discípulos se reunirem em um dia específico, além do sétimo semanal, não faz de tal dia um substituto do sábado do 4º mandamento, pois eles se reuniam diariamente (cf. At 5:42). O que torna um dia “santo” é a determinação de Deus, e isto acontece na Bíblia SO-MENTE para o sábado (cf. Gên. 2:1-3; Êx 16:1-10: 20:8-11).



Analisamos as passagens do Novo Testamento que tratam do sábado, e vimos que TODOS os discípulos e seguidores de Jesus guardaram este dia normalmente, pois fazia parte do seu dia-a-dia. Não há nenhum cogitação entre os discípulos sobre a mudança do sábado para outro dia qualquer. Infelizmente, tal pensamento só existe na mente dos que não querem obedecer aos mandamentos do Senhor, opondo-se arrogantemente à Palavra de Deus.

Se nossa base de fé estiver unicamente na Bíblia, e não na tradição ou mandamentos de homens (cf. Mc 7:13; At 5:29), então o único dia semanal que devemos separar para adorar ao Senhor, deixando de lado afazeres seculares e comuns, é o sábado do sétimo dia.

Seja fiel, e Deus abençoará grandemente sua vida; afinal Ele promete: “Grande paz têm os que amam a Tua Lei; para eles não há tropeço” (Sal. 119:165
avatar
quemtembocadizaverdade

Mensagens : 342
Data de inscrição : 15/09/2010
Localização : sao paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: o sábado no novo testamento

Mensagem por Pe. Anderson em Dom Set 26, 2010 6:07 pm

Caros amigos,

Ai vao os versiculos biblicos (ja apresentados outras vezes no nosso forum):

“O sábado foi feito para o homem, e não o homem para o sábado; de modo que o Filho do Homem é senhor até do sábado” (Marcos 2, 27).

“Portanto, ninguém vos julgue por questões de comida e de bebida, ou a respeito de festas anuais ou de sábados, que são apenas sombra de coisas que haviam de vir, mas a realidade é o Corpo de Cristo” (Colossenses 2, 16).

O Domingo é o dia dedicado à glorificação do Senhor vitorioso sobre a morte, e tomou adequadamente o nome de “Kyriaké heméra”, dia do Senhor (ou, propriamente, dia imperial), como se depreende de Ap 1, 10: “Fui arrebatado em espírito no dia do Senhor”. O grego “Kyriaké heméra” deu em latim “Dominica dies”, donde, em português, dominga ou domingo.

Grande abraco a todos.
avatar
Pe. Anderson
Admin

Mensagens : 952
Data de inscrição : 10/09/2008
Idade : 35
Localização : Roma

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: o sábado no novo testamento

Mensagem por Pe. Anderson em Dom Set 26, 2010 6:08 pm

“O sábado foi feito para o homem, e não o homem para o sábado; de modo que o Filho do Homem é senhor até do sábado” (Marcos 2, 27).

“Portanto, ninguém vos julgue por questões de comida e de bebida, ou a respeito de festas anuais ou de sábados, que são apenas sombra de coisas que haviam de vir, mas a realidade é o Corpo de Cristo” (Colossenses 2, 16).

O Domingo é o dia dedicado à glorificação do Senhor vitorioso sobre a morte, e tomou adequadamente o nome de “Kyriaké heméra”, dia do Senhor (ou, propriamente, dia imperial), como se depreende de Ap 1, 10: “Fui arrebatado em espírito no dia do Senhor”. O grego “Kyriaké heméra” deu em latim “Dominica dies”, donde, em português, dominga ou domingo.

Grande abraco.
avatar
Pe. Anderson
Admin

Mensagens : 952
Data de inscrição : 10/09/2008
Idade : 35
Localização : Roma

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: o sábado no novo testamento

Mensagem por Yuri07 em Dom Set 26, 2010 7:07 pm

A Antiga Aliança é uma profecia da Nova. Por isso, ele não veio ab-rogar a Lei, mas cumpri-la, com a Nova. Se eu cumpro uma profecia, como então eu a ab-rogo?

Se sua interpretação for a verdadeira, então os preceitos de não comer carne de porco ou outros alimentos, por exemplo, também devem ser cumpridos. Mas, surpresa os cristãos, já no tempo bíblico, deixaram de praticá-los!
avatar
Yuri07

Mensagens : 173
Data de inscrição : 30/10/2009
Idade : 27
Localização : Recife, PE

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: o sábado no novo testamento

Mensagem por quemtembocadizaverdade em Dom Set 26, 2010 8:44 pm

Padre, com todo respeito o senhor comeu bola. isso porque quando Jesus disse que o sábado foi feito para o homem isso pra mim já é bem claro, pois deus criou o homem no 6 dia e deu a esse o sábado para descanso e comunhão. é só ler genesis 2: 1 a 3 nesse verso Jesus diz em Marcos2 verso 2 citado por ti mesmo que o sábado é o dia do Senhor confirmando exodo 20: 8. e se Jesus disse que o sábado é o dia do Senhor, como chegaste a conclusão que o dia do Senhor em apocalípse 1:10 é o domingo? a questão do julgamento não é pra julgar em questão nenhuma. devemos esclarecer não julgar, até porque Paulo falava de festas judaícas e o senhor sabe bem disso.
avatar
quemtembocadizaverdade

Mensagens : 342
Data de inscrição : 15/09/2010
Localização : sao paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: o sábado no novo testamento

Mensagem por quemtembocadizaverdade em Dom Set 26, 2010 8:46 pm

ainda não me mostraram o verso que diz claramente que Jesus ao ressuscitar alterou o dia de guarda. porque se ele fisseze essa mudança na lei do seu pai estaria bem claro na bíblia. e aí cadê o verso que manda santificar o domingo????? onde està?
avatar
quemtembocadizaverdade

Mensagens : 342
Data de inscrição : 15/09/2010
Localização : sao paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: o sábado no novo testamento

Mensagem por quemtembocadizaverdade em Dom Set 26, 2010 8:55 pm

padre é isso que eu defendo. que o filho do homem é senhor do sábado e que fez o sábado por causa do homem
avatar
quemtembocadizaverdade

Mensagens : 342
Data de inscrição : 15/09/2010
Localização : sao paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: o sábado no novo testamento

Mensagem por Flávio Roberto Brainer de em Seg Set 27, 2010 6:14 am

Há uma interpretação eivada de malícia no ultimo colóquio aqui apresentado:

Uma coisa é afirmar que o sábado foi feito para o homem como o fez o próprio Jesus...

Outra coisa é deturpar essa afirmação trocando o "PARA O HOMEM" por "POR CAUSA DO HOMEM".

Além do mais, o comportamento dessa senhora se inclui com todas as letras no segundo versículo citado pelo Pe. Anderson na sua ultima postagem e que aqui o transcrevo e QUE SÓ NÃO VÊ QUEM NÃO QUER OU QUEM SE PERMITIU FECHAR OS OLHOS PARA A VERDADE:

"PORTANTO, NINGUEM VOS JULGUE POR QUESTÕES DE COMIDA E DE BEBIDA, OU A RESPEITO DE FESTAS ANUAIS OU DE SÁBADOS, QUE SÃO APENAS SOMBRA DAS COISAS QUE HAVIAM DE VIR, MAS A REALIDADE É O CORPO DE CRISTO" ( Col 2, 16 ).

Ou será que na "bíblia" dos adventistas não consta este versículo ?

Um grande abraço a todos !!!
avatar
Flávio Roberto Brainer de
Tira-dúvidas oficial

Mensagens : 1189
Data de inscrição : 13/09/2009
Idade : 59
Localização : Gravatá - PE

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: o sábado no novo testamento

Mensagem por Flávio Roberto Brainer de em Sab Out 16, 2010 5:49 am

Então Jesus ressuscitou no sábado ?
Se a Ressurreição de Jesus, aconteceu no primeiro dia da semana (domingo) e não no sábado, na concepção dos adventistas, Jesus teria desobedecido o mandamento.
Se a Ressurreição é o ápice da vida cristã, a celebração da santidade, por que Jesus não ressuscitou no "dia santo" ?
Se a narrativa do livro do Gênesis descreve que Deus criou o homem no sexto dia e no sétimo "descansou", se no nosso tempo nascen crianças todos os sábados, Deus é transgressor da Lei, pois nenhuma criança nasce sem a participação do Deus. Assim, quando nasce uma criança, Deus deixa de guardar o sábado e continua a sua criação infringindo o mandamento ?

Que absurdo !!!

É coisa de adventista !!!

Um grande abraço a todos !!!
avatar
Flávio Roberto Brainer de
Tira-dúvidas oficial

Mensagens : 1189
Data de inscrição : 13/09/2009
Idade : 59
Localização : Gravatá - PE

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: o sábado no novo testamento

Mensagem por Lucas em Dom Nov 21, 2010 10:12 am

ola cara quemtembocadizaverdade agradeço por sua paciencia e atenção pra conosco. Eu leventei essa questão justamete porque sou casado com uma adventista e nos quatro anos que estamos juntos contando namoro nos respeitamos muito e graças a Deus estamos super bem apesar de alguns pastores serem bem contra, um me apoiou muito com belissimas palavras um santo pastor "djalma' da igreja do ipae em petropolis rj.

bem o que acontece é que sem duvida a visitar e ser por irmãos questionado tive que por a "prova" as doutinas da igreja que sempre acreditei. percebi que para os irmãos adventista deveria ter provas biblicas e ha algumas que provam que os antigos cristãos se reuiniam para culto de celebração no domingo vc pode ter todo o acesso as passagem dos vericulos acompanhando desde o começo nosso debate passando por cada paragrafo escrito por todos tanto os defensores do domingo qnt do sabado.

e dizer que não foi papa que instituiu o domingo como muitos erronicamente nos acusa por que se fosse nem mesmo muitos evangelicos não o guardariam ou pelo menos todos eles guardariam o sabado o que não acontece... pelo que sei so a iasd e os judeus os guardam (estou errado na minha colocação?)

e nois não guardamos o Domingo somente mais todos os dias com a celebração da santa missa o domingo é apenas "apse" (acho que e assim que se escreve rsrsrs) por ser o dia em que cristo ressucitou mas a igreja celebra a cada dia seu sacrificio morte e ressurreição por todos nois

quando fui indicado a procurar esse forum pelo pe leozinho um grande amigo, percebi que nos catolicos muitas das vezes se acomodamos e não nos questionamos o porque disso o proque daquilo o que é muito errado da nossa parte pois temos que entender e ter na ponta da lingua biblicamente comprovado toda nossa doutrina o que poucas vezes acontece mais esse forum vem esclarecer muitas duvidas para aqueles que querem realmente saber sobre nossa doutrina e se vc mesmo acompanhar e tiver duvidas pergunte questione pois a muita gente boa aqui que podem esclarecer e isso é muito importante para nois.

assim como eu descobri que ha todos os fundamentos para o que creio...

so lhe pesso que deixe o espirito santo tocar e amolecer e dar entendimento a cada paragrafo citada não deiche passar em branco nada... e duvidas questione... so assimpodemos usar com clareza toda nossa fé não esconditos por papas bispos pastores ou fundadores de igrejas... mais por um unico Deus que nos une

muito obrigado a todos que tem colaborado com essa quetão...
e um grande abraço quemtembocadizaverdade...
avatar
Lucas

Mensagens : 15
Data de inscrição : 11/01/2009
Idade : 33
Localização : Petropolis / RJ

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: o sábado no novo testamento

Mensagem por Paulo Henrique Viana em Dom Nov 21, 2010 11:05 am

O sábado e os judeus.

Qual a primeira coisa que você faria para verificar se deve ou não guardar o sábado? Analisar como os judeus guardavam o sábado. Em Êxodo 35.3 diz que não poderia ascender fogo em nenhuma das moradas no dia de sábado. Como ficaria isto hoje, não poderia então ascender velas, não poderia ligar o fogão, nem poderia apertar o interruptor, pois ao ligar a lâmpada, sai uma faísca da rede eletrica, então deveria guardá-lo desta forma, hoje, em nossa cultura, em nosso século.

Qual o propósito do sábado para o judeu? Segundo o rabino Nissan Dovid Dubov, a guarda do sábado é a base da religião Judaica. Ele mesmo afirma: "Não trabalhamos, não dirigimos, não navegamos pela internet, não atendemos ao telefone, não abrimos a correspondência e não escrevemos". O shabat é uma ocasião para a família ir à sinagoga, fazer refeições especiais e absorver a santidade do dia. Será que quem guarda o sábado faz isto?

O que os judeus fazem antes do sábado? Para honrar o shabat as mulheres acendem velas, anunciando sua chegada. As velas devem ser acesas pelo menos 18 minutos antes do pôr-do-sol na noite de sexta-feira. Mulheres casadas acendem duas velas, meninas uma. Costumam também dar dinheiro para caridade antes de acendê-las. Isto também é feito hoje?

Leiam o livro do Rabino Nissan Dovid Dubov "Fatos sobre o Judaísmo, SP: Colet Torat Menachen"

Paulo Henrique Viana

Mensagens : 110
Data de inscrição : 19/11/2010
Localização : Minas Gerais

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: o sábado no novo testamento

Mensagem por quemtembocadizaverdade em Ter Nov 23, 2010 9:56 pm

Paulo, embora eu saiba que vc vai discordar não posso deixar de responde-lo. Em primeiro lugar existe falta de entendimento em relação ao quarto mandamento da santa lei de Deus. Cada mandamento tem seu propósito. Assim como temos em nossa família leis domésticas que por fim tem como objetivo proteger e promover segurança à família da mesma forma as leis de Deus sempre tiveram esse objetivo. Deus nunca estabeleceu mandamentos para causar desconforto aos seus filhos. Por isso Jesus resumiu a lei em dois mandamentos: amarás a Deus e ao próximo. quem guarda os 4 primeiros mandamentos ama a Deus e quem quarda os demais 6 demostra amor ao próximo. Deus estabeleceu o sábado como dia sagrado assim que criou o homem porque sabia ser importante esse dia para o próprio homem por isso Jesus disse que o sábado foi feito por causa do homem. Os judeus por quanta própria estabeleceram regras legalistas em cima do mandamento como em cima de uma série de coisas tornando assim um farto para eles e os demais. quanto ao ascender fogo no sábado vc há de convir que naquela época que isso foi pronunciado e na situação que foi em êxodo 16 ascender fogo não era ascender fósforo , mas sim uma grande mão de obra. O que Deus sempre quiz na realidade é levar seu povo a olhar para ele como único e verdadeiro Deus e deixar os ídolos. o sábado foi um marco na criação porque identifica o verdadeiro Deus e nosso Criador . Por isso quando vc lê o 4 mandamento o motivo dado é adorar o Deus Criador. Nenhum dos mandamentos caiu por terra. todos os dez estão em vigor até hoje exaltando deus como criador e único a ser adorado. Outro dia não engrandece o deus que tudo criou e descansou, abençoou e santificou. Em genesis 2 vemos que Deus fez essas 3 coisas com o sábado quem sou eu para discordar dele. o sábado deve ser uma be~ção e não um jugo como dele fizeram os judeus ajudados pelo diabo. O sábado é dia de comunhão com o único e verdadeiro Deus Criador e nos serve como refrigério. Se vcs vcs forem insistentes em dizer que o sábado é um jugo estão dizendo que Deus fez um jugo em genesis 2 para dar ao homem e abíblia diz que tudo que ele fez era bom. Vc cre que Deus daria um jugo ao judeu e aos demais homens pouparia desse jugo? deus é nosso Pai. nós é que criamos nossos jugos. os mandamentos são bençãos e não jugo. vcs que criaram esse sábado jugo juntamente com os judeus. para mim o sábado é refrigério.
avatar
quemtembocadizaverdade

Mensagens : 342
Data de inscrição : 15/09/2010
Localização : sao paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: o sábado no novo testamento

Mensagem por Paulo Henrique Viana em Qui Nov 25, 2010 9:19 am

OLá, quemtembocadizaverdade

Vamos em parte:

1 - Você diz que existe falta de entendimento em relação ao quarto mandamento. No que diz a observância, entendo sua posição, mas enquanto as consequências daqueles que não guardam. Por exemplo, eu não guardo o sábado e nem guardarei, e aí? Estou condenado? Minha alma se destinara ao inferno? Não serei salvo por não guardar o sábado? Não precisa ter receio de falar a verdade, e aí como fica minha situação?


2 - Se o sábado foi feito por causa do homem, o que é mais importante? o sábado ou o homem?

3 - Certa feita, procurei um membro da adventista em dia de sábado, primeiro não sabia que era adventista, se não, jamais iria procurá-lo no sábado. Mas, veja bem a história, estavamos realizando uma festa para crianças, e fiquei sabendo que ele tinha uma máquina de algodão doce para alugar. Ao chegar em sua casa, perguntei se ele poderia alugar a máquina porque à tarde faríamos uma festa para crianças. Ele me respondeu: Eu não posso porque hoje é sábado, não podemos carregar nada.
Então disse: Desculpa, não sabia que o senhor guardava o sábado, mas eu carrego a máquina...
Ele então retruca: Ah, eu não posso fazer nada no sábado
Perguntei: Mas, nem alugar?
ELe ficou calado por um momento, percebi que ele tinha um grande conflito, entre quebrar o mandamento ou me ajudar. Logo, percebi e decidir ir embora, disse então a ele: Pode ficar tranquilo em outra oportunidade eu procuro o senhor.
Isto não era uma "grande mão de obra", isto não é mais legalismo, como os judeus também eram legalistas?

4 - Você diz que o sábado identifica o verdadeiro Deus e nosso criador. Não é bem assim, o próprio Deus testemunha acerca de si como verdadeiro Deus, e como criador, a obra da criação é quem identifica o seu criador, leia romanos 1.18-21

5 - Vc disse que outro dia não engrade a Deus. Não lembro de Deus ter dito que devemos o adorar somente no sábado. Então os judeus cristãos estavam equivocados, pois separavam o domingo para adoração, não somente eles mas também como os gentios que se converteram.

6 - O sábado deve ser uma bênção para os judeus e os adventistas, mas isto não deve ser lançado como jugo para outros. Respeito a sua visão sobre o sábado, mas isto é algo privativo dos judeus e da adventista.

7 - Deus não deu um jugo aos Judeus, de fato tudo que Deus criou é bom e nada recusável. Como vc, disse acima: Os judeus por conta própria estabeleceram regras legalistas...
o jugo vem daí, das regras legalistas. Portanto, devo lembrar que a observância do sábado foi dado ao povo de Israel, nós somos gentios e não judeus.

obs. se você já respondeu estes argumentos, não precisa fazê-lo novamente, só me indique a data que foi respondida e para quem, e então darei uma olhada. É porque as vezes se torna cansativo responder sempre as mesmas coisas.

aguardo sua resposta

Paulo Henrique Viana

Mensagens : 110
Data de inscrição : 19/11/2010
Localização : Minas Gerais

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: o sábado no novo testamento

Mensagem por Paulo Henrique Viana em Qui Nov 25, 2010 1:12 pm

O sábado e o Novo Testamento

O autor de Hebreus no cap.7 vs 11,12, fala acerca da mudança de sacerdócio, sendo Jesus o Sumo Sacerdote mudou a lei, mas que lei é esta referida pelo autor de Hebreus?

Paulo em sua segunda carta aos Coríntios fala do ministério de morte gravado com letras em pedras. Não seria os dez mandamentos? Porque fala no contexto que Moisés estava descendo do monte com as duas tabuas e o seu rosto resplandecia. Paulo enfatiza que o ministério da condenação foi em glória, muito mais seria o ministério da justiça. Um produzido pela letra, outro pelo Espírito. veja 2 Coríntios 3.1-11

Romanos 10.4, diz que o fim da lei é Cristo, que lei seria essa?

O evangelho de João 1.17, faz um contraste entre a lei e a graça. A lei foi dada por Moisés, mas a graça e a verdade vieram por meio de Cristo. Que lei é esta que Móisés deu?

Romanos 3.20, ninguém será justificado diante de Deus por obras da lei? Que obras da lei? Que lei e está que pensavam os judeus serem justificados ao cumprirem?

Galátas 3.10 - 14, o texto fala da maldição da lei. que Lei é esta? Fala também do Livro da Lei. Que livro da lei é este? E fala da chegada da bênção de Abrãao sobre os gentios, que é anterior a lei. A promessa está acima da lei.

Jesus disse que a lei e os profetas vigoram até João ( Lucas 16.16);
A lei foi cumprida em Jesus (Mateus 5.18).
A lei foi encravada na cruz (Colossenses 2.14)


Paulo Henrique Viana

Mensagens : 110
Data de inscrição : 19/11/2010
Localização : Minas Gerais

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: o sábado no novo testamento

Mensagem por quemtembocadizaverdade em Qui Nov 25, 2010 3:51 pm

1 - Você diz que existe falta de entendimento em relação ao quarto mandamento. No que diz a observância, entendo sua posição, mas enquanto as consequências daqueles que não guardam. Por exemplo, eu não guardo o sábado e nem guardarei, e aí? Estou condenado? Minha alma se destinara ao inferno? Não serei salvo por não guardar o sábado? Não precisa ter receio de falar a verdade, e aí como fica minha situação?
Resp-Se vosse tivesse transgredido o 6 mandamento que diz não matarás, nem assim eu poderia dizer que vc não estaria salvo, porque não sou Deus para julgar e a salvação é pela aceitação do sacrificio de Cristo. a obediencia é apenas consequencia.
2 - Se o sábado foi feito por causa do homem, o que é mais importante? o sábado ou o homem?
res- o homem é mais importante que qualquer mandamento, pois esses foram cri3 - Certa feita, procurei um membro da adventista em dia de sábado, primeiro não sabia que era adventista, se não, jamais iria procurá-lo no sábado. Mas, veja bem a história, estavamos realizando uma festa para crianças, e fiquei sabendo que ele tinha uma máquina de algodão doce para alugar. Ao chegar em sua casa, perguntei se ele poderia alugar a máquina porque à tarde faríamos uma festa para crianças. Ele me respondeu: Eu não posso porque hoje é sábado, não podemos carregar nada.
Então disse: Desculpa, não sabia que o senhor guardava o sábado, mas eu carrego a máquina...
Ele então retruca: Ah, eu não posso fazer nada no sábado
Perguntei: Mas, nem alugar?
ELe ficou calado por um momento, percebi que ele tinha um grande conflito, entre quebrar o mandamento ou me ajudar. Logo, percebi e decidir ir embora, disse então a ele: Pode ficar tranquilo em outra oportunidade eu procuro o senhor.
Isto não era uma "grande mão de obra", isto não é mais legalismo, como os judeus também eram legalistas?ados para proteger e conceder bem estar ao homem.
resp- ele errou, deveria ter te emprestado a máquina. Jesus curou no sábado. Não curou?
4 - Você diz que o sábado identifica o verdadeiro Deus e nosso criador. Não é bem assim, o próprio Deus testemunha acerca de si como verdadeiro Deus, e como criador, a obra da criação é quem identifica o seu criador, leia romanos 1.18-21
resp- não é só o sábado que identifica Deus como Criador. a própria natureza testifica isso, mas com respeito ao sábado não sou eu que digo e sim a bíblia, veja:


Lembra-te do dia do sábado, para o santificar.

Seis dias trabalharás, e farás toda a tua obra.

Mas o sétimo dia é o sábado do SENHOR teu Deus; não farás nenhuma obra, nem tu, nem teu filho, nem tua filha, nem o teu servo, nem a tua serva, nem o teu animal, nem o teu estrangeiro, que está dentro das tuas portas.

Porque em seis dias fez o SENHOR os céus e a terra, o mar e tudo que neles há, e ao sétimo dia descansou; portanto abençoou o SENHOR o dia do sábado, e o santificou. exodo 20: 8 a 11
Assim os céus, a terra e todo o seu exército foram acabados.

E havendo Deus acabado no dia sétimo a obra que fizera, descansou no sétimo dia de toda a sua obra, que tinha feito.

E abençoou Deus o dia sétimo, e o santificou; porque nele descansou de toda a sua obra que Deus criara e fizera. genesis 2: 1 a 3
5 - Vc disse que outro dia não engrade a Deus. Não lembro de Deus ter dito que devemos o adorar somente no sábado. Então os judeus cristãos estavam equivocados, pois separavam o domingo para adoração, não somente eles mas também como os gentios que se converteram
resp- devemos adorar a Deus em todos os dias, mas o sábado Deus separou somente para ele, lembrando que ao auxiliar o próximo vc adora a Deus.
6 - O sábado deve ser uma bênção para os judeus e os adventistas, mas isto não deve ser lançado como jugo para outros. Respeito a sua visão sobre o sábado, mas isto é algo privativo dos judeus e da adventista
resp- Será? veja o que a bíblia diz:
De tudo o que se tem ouvido, o fim é: Teme a Deus, e guarda os seus mandamentos; porque isto é o dever de todo o homem. eclesiastes 12:13
Bem-aventurado o homem que fizer isto, e o filho do homem que lançar mão disto; que se guarda de profanar o sábado, e guarda a sua mão de fazer algum mal.

E não fale o filho do estrangeiro, que se houver unido ao SENHOR, dizendo: Certamente o SENHOR me separará do seu povo; nem tampouco diga o eunuco: Eis que sou uma árvore seca.

Porque assim diz o SENHOR a respeito dos eunucos, que guardam os meus sábados, e escolhem aquilo em que eu me agrado, e abraçam a minha aliança:

Também lhes darei na minha casa e dentro dos meus muros um lugar e um nome, melhor do que o de filhos e filhas; um nome eterno darei a cada um deles, que nunca se apagará.

E aos filhos dos estrangeiros, que se unirem ao SENHOR, para o servirem, e para amarem o nome do SENHOR, e para serem seus servos, todos os que guardarem o sábado, não o profanando, e os que abraçarem a minha aliança,

Também os levarei ao meu santo monte, e os alegrarei na minha casa de oração; os seus holocaustos e os seus sacrifícios serão aceitos no meu altar; porque a minha casa será chamada casa de oração para todos os povos. isaias 56: 2 a 7

E disse-lhes: O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado.

Assim o Filho do homem até do sábado é Senhor. marcos 2: 27 e 28
apocalipse 11: 18 e 19
7 - Deus não deu um jugo aos Judeus, de fato tudo que Deus criou é bom e nada recusável. Como vc, disse acima: Os judeus por conta própria estabeleceram regras legalistas...
o jugo vem daí, das regras legalistas. Portanto, devo lembrar que a observância do sábado foi dado ao povo de Israel, nós somos gentios e não judeus.
res- essa resposta está contida logo acima onde Isaias 56 é citado. reafirmo que não devemos guardar os mandamentos de Deus como os judeus. satanás tomou conta do judaísmo a ponto deles não reconhecerem o Messias. A observancia aos mandamentos jamais deve ser um jugo, mas pense bem nas instituições que Deus criou e que satanás na vida de alguns torna um jugo, como o casamento, por exemplo.Para mim o sábado é um refrigério.
avatar
quemtembocadizaverdade

Mensagens : 342
Data de inscrição : 15/09/2010
Localização : sao paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: o sábado no novo testamento

Mensagem por quemtembocadizaverdade em Qui Nov 25, 2010 4:03 pm

Re: Questão Adventista II "Sabado ou Domingo?"
por quemtembocadizaverdade Hoje à(s) 4:51 pm

organizei melhor
1 - Você diz que existe falta de entendimento em relação ao quarto mandamento. No que diz a observância, entendo sua posição, mas enquanto as consequências daqueles que não guardam. Por exemplo, eu não guardo o sábado e nem guardarei, e aí? Estou condenado? Minha alma se destinara ao inferno? Não serei salvo por não guardar o sábado? Não precisa ter receio de falar a verdade, e aí como fica minha situação?

Resp-Se vosse tivesse transgredido o 6 mandamento que diz não matarás, nem assim eu poderia dizer que vc não estaria salvo, porque não sou Deus para julgar e a salvação é pela aceitação do sacrificio de Cristo. a obediencia é apenas consequencia.
2 - Se o sábado foi feito por causa do homem, o que é mais importante? o sábado ou o homem?
res- o homem é mais importante que qualquer mandamento, pois esses foram criados para proteger o homem -
Certa feita, procurei um membro da adventista em dia de sábado, primeiro não sabia que era adventista, se não, jamais iria procurá-lo no sábado. Mas, veja bem a história, estavamos realizando uma festa para crianças, e fiquei sabendo que ele tinha uma máquina de algodão doce para alugar. Ao chegar em sua casa, perguntei se ele poderia alugar a máquina porque à tarde faríamos uma festa para crianças. Ele me respondeu: Eu não posso porque hoje é sábado, não podemos carregar nada.
Então disse: Desculpa, não sabia que o senhor guardava o sábado, mas eu carrego a máquina...
Ele então retruca: Ah, eu não posso fazer nada no sábado

Perguntei: Mas, nem alugar?
ELe ficou calado por um momento, percebi que ele tinha um grande conflito, entre quebrar o mandamento ou me ajudar. Logo, percebi e decidir ir embora, disse então a ele: Pode ficar tranquilo em outra oportunidade eu procuro o senhor.
Isto não era uma "grande mão de obra", isto não é mais legalismo, como os judeus também eram legalistas?ados para proteger e conceder bem estar ao homem.

resp- ele errou, deveria ter te emprestado a máquina. Jesus curou no sábado. Não curou?
4 - Você diz que o sábado identifica o verdadeiro Deus e nosso criador. Não é bem assim, o próprio Deus testemunha acerca de si como verdadeiro Deus, e como criador, a obra da criação é quem identifica o seu criador, leia romanos 1.18-21
resp- não é só o sábado que identifica Deus como Criador. a própria natureza testifica isso, mas com respeito ao sábado não sou eu que digo e sim a bíblia, veja:


Lembra-te do dia do sábado, para o santificar.

Seis dias trabalharás, e farás toda a tua obra.

Mas o sétimo dia é o sábado do SENHOR teu Deus; não farás nenhuma obra, nem tu, nem teu filho, nem tua filha, nem o teu servo, nem a tua serva, nem o teu animal, nem o teu estrangeiro, que está dentro das tuas portas.

Porque em seis dias fez o SENHOR os céus e a terra, o mar e tudo que neles há, e ao sétimo dia descansou; portanto abençoou o SENHOR o dia do sábado, e o santificou. exodo 20: 8 a 11
Assim os céus, a terra e todo o seu exército foram acabados.

E havendo Deus acabado no dia sétimo a obra que fizera, descansou no sétimo dia de toda a sua obra, que tinha feito.

E abençoou Deus o dia sétimo, e o santificou; porque nele descansou de toda a sua obra que Deus criara e fizera. genesis 2: 1 a 3
]5 - Vc disse que outro dia não engrade a Deus. Não lembro de Deus ter dito que devemos o adorar somente no sábado. Então os judeus cristãos estavam equivocados, pois separavam o domingo para adoração, não somente eles mas também como os gentios que se converteram[/color]
resp- devemos adorar a Deus em todos os dias, mas o sábado Deus separou somente para ele, lembrando que ao auxiliar o próximo vc adora a Deus
6 - O sábado deve ser uma bênção para os judeus e os adventistas, mas isto não deve ser lançado como jugo para outros. Respeito a sua visão sobre o sábado, mas isto é algo privativo dos judeus e da adventista
resp- Será? veja o que a bíblia diz:
De tudo o que se tem ouvido, o fim é: Teme a Deus, e guarda os seus mandamentos; porque isto é o dever de todo o homem. eclesiastes 12:13
Bem-aventurado o homem que fizer isto, e o filho do homem que lançar mão disto; que se guarda de profanar o sábado, e guarda a sua mão de fazer algum mal.

E não fale o filho do estrangeiro, que se houver unido ao SENHOR, dizendo: Certamente o SENHOR me separará do seu povo; nem tampouco diga o eunuco: Eis que sou uma árvore seca.

Porque assim diz o SENHOR a respeito dos eunucos, que guardam os meus sábados, e escolhem aquilo em que eu me agrado, e abraçam a minha aliança:

Também lhes darei na minha casa e dentro dos meus muros um lugar e um nome, melhor do que o de filhos e filhas; um nome eterno darei a cada um deles, que nunca se apagará.

E aos filhos dos estrangeiros, que se unirem ao SENHOR, para o servirem, e para amarem o nome do SENHOR, e para serem seus servos, todos os que guardarem o sábado, não o profanando, e os que abraçarem a minha aliança,

Também os levarei ao meu santo monte, e os alegrarei na minha casa de oração; os seus holocaustos e os seus sacrifícios serão aceitos no meu altar; porque a minha casa será chamada casa de oração para todos os povos. isaias 56: 2 a 7

E disse-lhes: O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado.

Assim o Filho do homem até do sábado é Senhor. marcos 2: 27 e 28
apocalipse 11: 18 e 19
7 - Deus não deu um jugo aos Judeus, de fato tudo que Deus criou é bom e nada recusável. Como vc, disse acima: Os judeus por conta própria estabeleceram regras legalistas...
o jugo vem daí, das regras legalistas. Portanto, devo lembrar que a observância do sábado foi dado ao povo de Israel, nós somos gentios e não judeus.

res- essa resposta está contida logo acima onde Isaias 56 é citado. reafirmo que não devemos guardar os mandamentos de Deus como os judeus. satanás tomou conta do judaísmo a ponto deles não reconhecerem o Messias. A observancia aos mandamentos jamais deve ser um jugo, mas pense bem nas instituições que Deus criou e que satanás na vida de alguns torna um jugo, como o casamento, por exemplo.Para mim o sábado é um refrigério
avatar
quemtembocadizaverdade

Mensagens : 342
Data de inscrição : 15/09/2010
Localização : sao paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: o sábado no novo testamento

Mensagem por Paulo Henrique Viana em Sex Nov 26, 2010 11:01 am

Olá, quemtembocadizaverdade
Acredito que nossas conversas serão bem esclarecedoras para outras que estarão lendo o que postamos.
No exposto acima cheguei a seguinte conclusão:
1 - Que os adventistas acreditam que salvação só por mérito de Cristo, e que obedecê-lo é uma consequência de quem já foi salvo por ele. No comentário do Lucas datado de 17/07/2009 ele diz que não concorda com Ellen G. White que afirma que só os sabatistas herdarão o reino de Deus.
Ela afirma isto mesmo? Se afirma o que pensa sobre o reino de Deus? Se existe uma diferença em ser salvo por Cristo e herdar o reino. Ou esta, é apenas a visão de alguns membros da adventista que ainda não conhece bem a história de sua igreja e doutrinas;

2 - Se o homem é mais importante que os mandamentos, então há esperança para aqueles que estão fora da adventista ou, os mandamentos não podem me condenar se já tenho um salvador. Pois Cristo veio para salvar o homem, e não condená-lo por não cumprir os mandamentos;

3 - Que alguns adventistas talvez por falta de conhecimento, estão transformando a doutrina da igreja em legalismo, isto acontece também tanto no catolicismo quanto nas igrejas evangélicas;

4 - Quanto aos textos bíblicos selecionado por você e também por mim em "o sabado e o Novo Testamento" estarei analisando e falando sobre eles, acredito que assim estarei encerrando o meu assunto sobre este tópico, mas pretendo fazer um coletânea de tudo que já foi dito sobre este assunto, para tentarmos chegar a uma conclusão final,

um abraço, gostei de suas respostas

Paulo Henrique Viana

Mensagens : 110
Data de inscrição : 19/11/2010
Localização : Minas Gerais

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: o sábado no novo testamento

Mensagem por quemtembocadizaverdade em Sab Nov 27, 2010 4:07 pm

Quanto as declarações do Lucas, li e verifiquei que ele não deu a fonte e dessa feita não tenho como falar algo sobre a não ser pelo que li ellen White fala da salvação em Cristo e cita a salvação de Martinho Lutero, monge católico, excluído da igreja católica acusado de heresia após ter descoberto pelos escritos de Paulo que a salvação é pela fé e que as indulgências que a igreja vendia na época não podiam remir. ele nunca guardou o sábado, pois morreu antes de ter descoberto que a igreja tinha mudado a lei de Deus e a importância dos mandamentos, como Deus não leva em conta o tempo da ignorância...
avatar
quemtembocadizaverdade

Mensagens : 342
Data de inscrição : 15/09/2010
Localização : sao paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: o sábado no novo testamento

Mensagem por Flávio Roberto Brainer de em Dom Nov 28, 2010 7:34 pm

Caríssima Professora "quemtembocadizaverdade",

Em uma postagem sua do dia 24 de outubro de 2010, a senhora comparou a morte do homem com a dos animais fundamentada em Ecle 3,18-20 e sem considerar o contexto da totalidade das Sagradas Escrituras, negando claramente a existencia do espírito humano, a ressurreição do ultimo dia e a vida eterna, dentre outras verdades. Ver:

http://quemtembocavaiaroma.livreforum.com/filosofia-e-teologia-f1/os-animais-tem-alma-t737htm

Neste tópico, a senhora comete um equívoco extremamente cômico ou engraçado que contradiz a sua afirmação a que me referi anteriormente, afirmando que São Paulo "nunca guardou o sábado, pois morreu antes de ter descoberto que a igreja tinha mudado a lei de Deus e a importância dos mandamentos, como Deus não leva em conta o tempo da ignorância...."

A minha pergunta é a seguinte:

SE PARA A SENHORA O SER HUMANO UMA VEZ FISICAMENTE MORTO SIMPLESMENTE DEIXA DE EXISTIR E SUA MEMÓRIA NÃO MAIS EXISTE, UMA VEZ QUE A SUA MORTE E O SEU DESTINO É O MESMO DOS ANIMAIS IRRACIONAIS, COMO FOI QUE A SENHORA CHEGOU À CONCLUSÃO DE QUE SÃO PAULO, DEPOIS DE MORTO, DESCOBRIU QUE A IGREJA TINHA MUDADO A LEI DE DE DEUS E A IMPORTÂNCIA DOS MANDAMENTOS ?

Não quero ser grosseiro, mas ao meu ver, a senhora faltou com a sua verdade em uma das duas postagens, e não podemos ser omissos diante de uma questão que poderá levar as pessoas do nosso fórum a um verdadeiro desapontamento. Peço até desculpas pelo meu questionamento, mas foi o jeito fazê-lo, o que estou fazendo com um certo constrangimento.

Espero que me compreenda !!!

Um grande abraço e, fique na paz do Senhor Jesus !!!
avatar
Flávio Roberto Brainer de
Tira-dúvidas oficial

Mensagens : 1189
Data de inscrição : 13/09/2009
Idade : 59
Localização : Gravatá - PE

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: o sábado no novo testamento

Mensagem por Catholic em Dom Nov 28, 2010 7:50 pm

Caro Flávio,

a sra. "quemtembocavaiaroma" não estava se referindo a Lutero no trecho?

"nunca guardou o sábado, pois morreu antes de ter descoberto que a igreja tinha mudado a lei de Deus e a importância dos mandamentos, como Deus não leva em conta o tempo da ignorância...."
avatar
Catholic

Mensagens : 103
Data de inscrição : 18/10/2010
Idade : 24
Localização : Porto Alegre

Ver perfil do usuário http://www.digitusdei.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: o sábado no novo testamento

Mensagem por Flávio Roberto Brainer de em Dom Nov 28, 2010 7:53 pm

Valeu, Catholic,

Mas de qualquer forma, Lutero teria feito essa descoberta depois de morto, né ?

Muito obrigado pela correção !!!

Um grande abraço e que Deus o abençoe !!!
avatar
Flávio Roberto Brainer de
Tira-dúvidas oficial

Mensagens : 1189
Data de inscrição : 13/09/2009
Idade : 59
Localização : Gravatá - PE

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: o sábado no novo testamento

Mensagem por Flávio Roberto Brainer de em Dom Nov 28, 2010 8:06 pm

Cara Professora,

Considerando o eqüívoco que Catholic me mostrou na pergunta que lhe dirigi, estou me fazendo desculpar. Assim, onde está escrito "SÃO PAULO", leia-se "LUTERO".

Muito obrigado pela compreensão !
avatar
Flávio Roberto Brainer de
Tira-dúvidas oficial

Mensagens : 1189
Data de inscrição : 13/09/2009
Idade : 59
Localização : Gravatá - PE

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: o sábado no novo testamento

Mensagem por quemtembocadizaverdade em Dom Nov 28, 2010 8:13 pm

Bem, Paulo viana, continuando nossa conversa percebi que existem uns versos de hebreus que vc me perguntou, em breve posta a resposta, ok? tenha uma boa semana.
avatar
quemtembocadizaverdade

Mensagens : 342
Data de inscrição : 15/09/2010
Localização : sao paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: o sábado no novo testamento

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum